Bruno Covas é submetido a radioterapia após "sangramento residual"

Prefeito de SP está sendo acompanhado para o tratamento de um câncer que atinge seus sistemas digestivos e ósseos
 (Twitter/Reprodução)
(Twitter/Reprodução)
E
Estadão Conteúdo

Publicado em 06/05/2021 às 18:19.

Última atualização em 06/05/2021 às 18:21.

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), segue internado sem previsão de alta no Hospital Sírio Libanês, região central da capital. De acordo com boletim médico, o quadro do prefeito é estável e ele segue recebendo todo o suporte clínico necessário.

Ontem (5), Covas fez novo exame que detectou um "discreto sangramento residual" no estômago. Segundo boletim médico, após o diagnóstico por exame de endoscopia, o prefeito foi submetido a tratamento com radioterapia local a fim de controlar a perda de sangue.

Covas está sendo acompanhado para o tratamento de um câncer que atinge os sistemas digestivos e ósseos do prefeito. O boletim é assinado pelos médicos Fernando Ganem e Ângelo Fernandez.