Após bater recorde, Brasil tem 3.829 mortes por covid-19 em 24h

De acordo com dados do Ministério da Saúde, o país tem 340.776 óbitos e 13.193.205 casos confirmados da doença

O Ministério da Saúde divulgou um balanço nesta quarta-feira, 7, com os números da pandemia de covid-19 no Brasil, de acordo com dados das Secretarias Estaduais de Saúde. O país tem 340.776 óbitos e 13.193.205 casos confirmados da doença.

O balanço, atualizado às 19 horas, mostra que no período de um dia foram registradas 3.829 vítimas e 92.625 testes reagentes para o coronavírus. Na terça-feira, 6, o país passou, pela primeira vez desde o início da pandemia, a marca de 4.000 óbitos confirmados no período de um dia.

A média móvel, que contabiliza o número de óbitos da última semana, é de 2.757. A média de casos é de 63.494.

Vacinação

Segundo o levantamento feito pelo consórcio de imprensa, 21.445.683 pessoas já receberam pelo menos a primeira dose da vacina contra a covid-19. Este valor é a soma dos 26 estados mais o Distrito Federal e equivale a 10,13% da população brasileira.

Os dados são compilados pelo consórcio de imprensa que reúne UOL, Folha de S.Paulo, O Estado de S. Paulo, O Globo, G1 e Extra.

SP pode relaxar quarentena

O comitê de saúde do estado de São Paulo vai definir até sexta-feira, 9, se mantém ou flexibiliza algumas regras da quarentena emergencial. A fase mais restritiva começou no dia 15 de março, inicialmente duraria duas semanas, mas foi prorrogada até o dia 11 de abril.

"O Centro de Contingência está discutindo sobre a quarentena. Há um indicativo de melhora nos números. Estamos discutindo a extensão da fase emergencial e até sexta-feira vamos determinar. É provável que a gente continue com algumas medidas de restrição", disse Paulo Menezes, coordenador do comitê de saúde do governo paulista.

O membro do Centro de Contingência da Covid-19 do estado de São Paulo, João Gabbardo, divulgou, na terça-feira, 6, dados sobre a velocidade de internações de pacientes com covid-19. Pela primeira vez desde o dia 15 de fevereiro, a taxa diária de solicitações de leitos ficou negativa, em 0,08%.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.