Anvisa suspende venda e uso de lote de anticoncepcional

Duas consumidoras encontraram um número menor de drágeas do que a quantidade correta na cartela e a Agência determinou a suspensão

	Segundo o laboratório, ações corretivas já foram adotadas para o recolhimento do lote 90602 do Harmonet®
 (REUTERS/Eric Gaillard)
Segundo o laboratório, ações corretivas já foram adotadas para o recolhimento do lote 90602 do Harmonet® (REUTERS/Eric Gaillard)
P
Paula LaboissièrePublicado em 30/03/2015 às 16:31.

Brasília - Resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), publicada hoje (30), no Diário Oficial da União, suspende a distribuição, a comercialização e o uso do lote 90602 (com validade até junho de 2015), do medicamento anticoncepcional Harmonet®, 0,075 mg de gestodeno e 0,02 mg de etinilestradiol, 21 drágeas, fabricado em novembro de 2013 pelo laboratório Pfizer Ireland Pharmaceuticals.

De acordo com o texto, a própria empresa enviou à Anvisa comunicado de recolhimento voluntário do lote depois de ter recebido duas reclamações sobre incorreção no corte da cartela onde ficam armazenados os comprimidos.

A Pfizer Ireland Pharmaceuticals informou que a decisão de fazer o recolhimento voluntário do lote foi tomada ao detectar que, em duas unidades do produto, a cartela que normalmente acondiciona 21 drágeas continha apenas 16.

“O fato, investigado após a companhia ser contatada por duas consumidoras que detectaram a quantidade menor de drágeas, ocorreu em função de um corte incorreto do blister [embalagem] que acondiciona o produto”, explicou o fabricante, por meio de nota.

Ainda segundo a Pfizer, ações corretivas já foram adotadas. Em caso de dúvida, o consumidor pode entrar em contato com a empresa por meio do telefone 0800 160 625.