Lançado primeiro guia em espanhol de como escrever na web

O manual contém recomendações e estudos sobre cortesia na rede, correspondência eletrônica, reputação online, espanhol global e redação para blogs

Madri – A Fundação do Espanhol Urgente (Fundéu BBVA) apresentou nesta quinta-feira, em Madri, o primeiro manual prático de como escrever em espanhol na ”web”.

O guia ”Escribir en internet” foi lançado oficialmente em uma cerimônia na sede da Real Academia Espanhola (RAE) e contou com a participação do diretor da instituição e também presidente do Fundéu BBVA, José Manuel Blecua; o presidente da Agência Efe, José Antonio Vera; o jornalista e diretor do projeto, Mario Tascón, e o cantor e líder do grupo de rock Siniestro Total, Julián Hernández.

Publicado pela editora Galaxia Gutenberg, o manual contém recomendações e estudos sobre cortesia na rede, correspondência eletrônica, reputação online, espanhol global, redação para blogs, formas para mensagens instantâneas, gestão de comentários, redes sociais, emoticons, acessibilidade e tudo mais o que hoje é necessário para trabalhar com correção na rede.

Por se tratar de um evento realizado na RAE – entidade espanhola semelhante à Academia Brasileira de Letras -, a apresentação do guia teve um caráter incomum: aconteceu fora do salão de atos e contou com a presença de centenas de pessoas espalhadas por salas e até escadas, muitas delas postando comentários no Twitter enquanto ouviam os pronunciamentos de personalidades do meio literário.

”A todos nos une o desejo de escrever bem, o melhor possível, nesta formosa língua que compartilhamos com cerca de 500 milhões de pessoas em todo o mundo”, afirmou Blecua.


”O importante é que na escola se ensine bem aos estudantes a ler e escrever. E que seja introduzido nos mais jovens o amor pela boa literatura”, acrescentou o presidente da Real Academia Espanhola.

O presidente da Agência Efe, José Antonio Vera, falou no evento sobre as mudanças ocorridas no mundo da comunicação, citando as ferramentas que os cidadãos têm ”a seu alcance” neste campo e que eram impensáveis há alguns anos.

”Hoje a urgência, o imediatismo, antes patrimônio dos jornalistas, é uma das chaves da comunicação digital”. Por isso foi publicado ”este guia para os novos meios e as redes sociais, orientado não só aos profissionais, mas a todos os cidadãos de um mundo global que se juntam à grande conversa em que se transformou o ciberespaço”, disse Vera.

Diretor-geral do Fundéu BBVA, Joaquín Müller ressaltou que a fundação observou que, com a proliferação de novas plataformas e redes sociais, há ”uma maior preocupação” em escrever com correção.

Os internautas ”sabem que não há lugar mais público, maior praça pública que a internet”, e ”não há lugar no qual se possa estar mais exposto do que na rede, onde um erro de ortografia, uma pequena mentira, um dado incorreto pode ocasionar o maior desprestígio”, disse. 

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.