Tecnologia
Acompanhe:

Facebook testa formato do Pinterest para venda de produtos

Rede social começou hoje nos EUA a testar o serviço “Collection”, que permitirá aos usuários o armazenamento de posts de marcas com fotos de produtos de interesse


	Facebook: rede social começou a testar um novo serviço chamado "Collections" e que pode trazer ares de Pinterest para a rede de Zuckerberg
 (Leon Neal/AFP)

Facebook: rede social começou a testar um novo serviço chamado "Collections" e que pode trazer ares de Pinterest para a rede de Zuckerberg (Leon Neal/AFP)

G
Gabriela Ruic

8 de outubro de 2012, 17h46

São Paulo - O Facebook começou a testar hoje nos Estados Unidos uma nova ferramenta que trará para a rede social funcionalidades muito parecidas com outra rede muito bem sucedida, o Pinterest. A ferramenta, chamada “Collections”, permitirá a incorporação de novos botões, “Want” (Quero) e “Collect” (Colecionar), às atualizações das marcas na rede social, além do famoso “Like” (Curtir).

Cada um dos botões irá oferecer ao usuário uma experiência diferente. Ao clicar em “Want”, por exemplo, a imagem do produto será adicionada a uma nova sessão que constará em seu perfil chamada “Wishlist” (Lista de Desejos), que estará visível para amigos de amigos.

Já ao escolher o botão “Collect”, o usuário irá salvar o post em uma lista chamada “Products” (Produtos), e que será visualizada apenas por seus amigos. Esse botão também irá direcioná-lo diretamente para a loja virtual da marca para adquirir o produto se assim desejar.

A ideia por trás do serviço, explicou um porta-voz do Facebook ao TechCrunch, é que as coleções dos usuários sejam visíveis para seus amigos, incentivando-os a compartilharem pontos de interesse, especialmente no que diz respeito a itens de consumo. Qualquer semelhança com o Pinterest, talvez seja mera coincidência. Ou, quem sabe, seja apenas Mark Zuckerberg de olho no que está dando certo para a concorrência.

Por enquanto, porém, ainda não se sabe ainda quais botões serão efetivamente incorporados ao serviço. O Facebook, segundo explicou o site TechCrunch, está testando as possibilidades em usuários diferentes e apenas sete marcas estão participando desta fase inicial de testes: Michael Kors, Victoria’s Secrets, Pottery Barn, Wayfair, Neiman Marcus, Smith Optics e Fab.com.