Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Os 10 melhores filmes e séries segundo o IMDb

A EXAME preparou uma lista com os filmes e as séries mais bem avaliadas pelo portal IMDb para ajudar aqueles que procuram um entretenimento de qualidade

Com o final de semana se aproximando, os entusiastas de filmes e séries já devem estar se preparando para escolher os títulos que serão assistidos desde essa sexta-feira de noite até domingo.

Para facilitar essa escolha, a EXAME preparou uma lista com os filmes e as séries mais bem avaliadas pelo portal IMDb (Internet Movie Database), uma base de dados online pertencente a Amazon que compila avaliações de críticos e do público geral sobre cinema, TV, música e games

A avaliação levou em conta apenas a avaliação do próprio IMDb e de seus críticos especializados, desconsiderando a votação popular.

Grande parte dos títulos estão disponíveis nas mais diversas plataformas de streamings (Netflix, Prime Video, HBO), mas alguns deles só estão nos catálogos para aluguel, em canais como o Youtube Filmes e o Google Play.

Confira a lista completa abaixo:

Os filmes mais bem avaliados pelo IMDb

 (MARY EVANS/RONALD GRANT/FROM EVERETT COLLECTION./Reprodução)

1. The Shawshank Redemption (1994); nota 9.2/10

The Shawshank Redemption (em português Um Sonho de Liberdade) é considerado pelo IMDb o filme mais bem avaliado na história da plataforma. O filme, escrito e dirigido por Frank Darabont, foi baseado na novela “Rita Hayworth and Shawshank Redemption”, do renomado autor Stephen King.

Com uma história interessante e recheada de reviravoltas que acompanha a jornada de um banqueiro sentenciado a prisão perpetua pelo assassinato de sua esposa e do amante, e um elenco de estrelas como Tim Robbins e Morgan Freeman, o filme foi muito bem recebido pela crítica, embora o desempenho nas bilheterias na época tenha decepcionado.

Mesmo assim, The Shawshank Redemption foi indicado a diversos prêmios, incluindo sete Oscars (não ganhou nenhum), e recebeu um relançamento nos cinemas que, junto com arrecadações internacionais, elevaram a bilheteria total para 58,3 milhões de dólares.

Onde assistir: Youtube Filmes e Google Play.

 (Paramount Pictures/Reprodução)

2. The Godfather (1972); Nota 9.1/10

Considerado por alguns críticos como a melhor trilogia já feita (e adaptada) para o cinema, o primeiro filme do Poderoso Chefão (1972), baseado no livro homônimo do escritor americano Mario Puzo, tornou a história da família ítalo-americana Corleone mundialmente famosa, reconhecida e admirada.

Além da trama complexa e elogiada pela crítica, o filme é muito reconhecido pela sua quantidade enorme de estrelas de Hollywood, como Marlon Brando, Al Pacino, Diane Keaton e outros. The Godfather foi indicado a dez Oscars e venceu nas categorias de Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado (Coppola e Puzo) e Melhor Ator (Marlon Brando).

O American Film Institute apontou-o como o melhor filme de gângster de todos os tempos e o segundo melhor da história lista dos melhores filmes dos EUA. Em 2014 foi eleito o melhor filme da história pela revista Hollywood Reporter, desbancando “Um Sonho de Liberdade” da disputa.

Onde assistir: Telecine, Amazon Prime Video e YouTube Filmes

 (Paramount Pictures/Reprodução)

3. The Godfather: Part II (1974); Nota 9.0/10

Assim como a primeira parte da história, a sua sequência Poderoso Chefão Parte II (1974) foi igualmente aclamado pela crítica e conquistou o terceiro lugar nos melhores filmes avaliados pelo IMDb.

O arco narrativo do segundo filme se passa três anos após os acontecimentos da primeira parte da saga da família Corleone e segue acompanhando alguns dos personagens centrais da família paralelamente.

A sequência, assim como o primeiro filme, foi bem recebida pelos críticos e figurou entre as principais obras no Oscar daquele ano, recebendo onze indicações ao total. Ganhou em seis categorias, incluindo Melhor Filme, Melhor Diretor (Coppola), Melhor Ator Coadjuvante (De Niro) e Melhor Roteiro Adaptado (Coppola e Puzo), tornando-se a primeira sequência a ganhar na categoria de Melhor Filme na história da premiação.

Onde assistir: Telecine, Amazon Prime Video e YouTube Filmes

 (Warner Bros. Pictures/Reprodução)

4. Batman: the Dark Knight (2008); Nota 9.0/10

Batman: O Cavaleiro das Trevas (2008) é o filme baseado nas histórias em quadrinhos de super-heróis de maior sucesso de crítica, segundo o IMDb.

Além de contar aspectos interessantes da história do Batman, a obra foi marcada especialmente pela ótima direção e produção de Christopher Nolan e as atuações memoráveis e icônicas de Christian Bale como "Bruce Wayne/Batman" e Heath Ledger como "O Coringa".

As participações de Morgan Freeman, Gary Oldman e Michael Caine também garantiram ao filme uma ótima imagem perante Hollywood, ao trazer atores consagrados para atuar juntos.

O filme recebeu oito indicações ao Oscar na premiação de 2009 e quebrou o recorde de maior número de indicações para um filme baseado em histórias de quadrinhos.

Inegavelmente, Heath Ledger foi premiado como Melhor Ator Coadjuvante por viver o Coringa, em uma das mais emblemáticas atuações que o vilão do Batman já teve na história do cinema. O filme também levou para casa o prêmio de Melhor Edição de Som.

Onde assistir: Netflix e HBO Max

 (United Artists/Reprodução)

5. 12 Angry Men (1957); Nota 8.9/10

12 Angry Men (em português: 12 Homens e Uma Sentença) – não confundir com o filme de nome parecido (Onze homens e um segredo) é o filme mais antigo com a melhor avaliação no IMDb, lançado em 1957.

A trama do filme gira em torno de um julgamento de assassinato, quando um jovem porto-riquenho é acusado de ter matado o próprio pai. Onze dos jurados, cada um com sua convicção, votam pela condenação. Porém, o jurado número 8, o sr. Davis, é o único que duvida da culpa do jovem e, enquanto tenta convencer os outros a repensarem a sentença, traços de personalidade de cada um dos jurados vão sendo revelados pouco a pouco, colocando as duas histórias em um paralelo interessante: o caso do assassinato e a própria vida de cada um dos jurados.

Embora tenha sido indicado para três categorias no Oscar (Melhor diretor; Melhor filme e Melhor roteiro adaptado), 12 Homens e Uma Sentença não ganhou nenhum dos prêmios.

Onde assistir: Telecine

 (Universal Pictures/Reprodução)

6. Schindler's List (1993); Nota 8.9/10

A Lista de Schindler, como é seu nome em português, é um filme americano lançado em 1993 dirigido e produzido por Steven Spielberg, baseado no romance Schindler's Ark, do escritor australiano Thomas Keneally.

Assim como o romance que inspirou a versão dos cinemas, a história é baseada nos fatos vividos por Oskar Schindler, membro do Partido Nazista e um industrial alemão que, durante a Segunda Guerra Mundial, salva a vida de cerca de 1.200 judeus dos campos de concentração da Polônia e Alemanha ao emprega-los em sua fábrica.

No filme, o ator Liam Neeson vive o Sr. Schindler. Com uma história emocionante e com o peso de ter Spielberg como um dos nomes principais na produção, A Lista de Schindler foi um sucesso de crítica e de público, arrecadando mais de US$ 320 milhões com bilheterias.

Foi indicado a doze Oscars, vencendo sete, incluindo os prêmios de Melhor Filme e Melhor Diretor (Spielberg). A Biblioteca do Congresso Americano considerou o filme um patrimônio "cultural, histórico e esteticamente significativo" da história das artes dos EUA.

Onde assistir: Netflix e Telecine

 (New Line Cinema/Reprodução)

7. The Lord of the Rings: The Return of the King (2003); Nota 8.9/10

Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei, lançado em 2003, é o último filme que conclui a trilogia de fantasia baseada nos livros homônimos de J. R. R. Tolkien. A série Senhor dos Anéis é, até hoje, uma referência importante quando falamos  de trilogias de fantasia no cinema, assim como é Star Wars.

No total, os três filmes faturaram cerca de US$ 3 bilhões com receitas conjuntas de bilheteira. Só o terceiro filme teve arrecadações na casa dos US$ 1,1 bilhão. O Retorno do Rei é considerada o melhor filme da trilogia pelo IMDb.

No Oscar de 2004, o filme recebeu 11 indicações e levou todos os prêmios, incluindo Melhor Filme, Melhor Diretor (Peter Jackson), Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Edição.

Onde assistir: Youtube Filmes e HBO Max

 (Miramax Films/Reprodução)

8. Pulp Fiction (1994); Nota 8.8/10

Pulp Fiction (Pulp Fiction: Tempo de Violência, em português) é possivelmente o mais aclamado e reconhecido filme do diretor Quentin Tarantino e, em menos de 30 anos do seu lançamento, já é considerado um clássico cinema, seja por seu estilo, pela forma inédita de direção (que viraria marca registrada do diretor) ou simplesmente pela quantidade de referencias à cultura pop que possui.

O próprio nome do filme é uma referencia clara às revistas pulp, populares durante a metade do século XX e caracterizadas pela sua violência gráfica, diálogos ricos e ecléticos e uma mistura de humor irônico e violência em narrativas não lineares: exatamente a forma de condução do filme de Tarantino.

É considerado pelos críticos do IMDb como o mais bem avaliado e complexo filme já feito pelo diretor, que possui outras obras icônicas em seu portfólio, como Kill Bill, Bastardos Inglórios, Django Livre e Era Uma Vez em Hollywood.

Embora indicado para 7 categorias do Oscar de 1995, Pulp Fiction levou apenas o prêmio de Melhor Roteiro Original (Quentin Tarantino e Roger Avary).

Onde assistir: YouTube Filmes

 (Warner Bros. Pictures/Reprodução)

9. The Good, the Bad and the Ugly (1966); Nota 8.8/10

The Good, the Bad and the Ugly (Três Homens em Conflito, no Brasil) é um filme de 1966 que possui uma estética de Faroeste, dirigido pelo italiano Sergio Leone e estrelado por Clint Eastwood, Lee Van Cleef e Eli Wallach como o trio-título.

O filme é conhecido pelo uso do plano geral e de diversos close-ups na cinematografia, bem como sua utilização característica da violência, tensão e tiroteios. A trama do filme, no entanto, é bem simples, como a maior parte dos roteiros desse gênero.

A trama gira em torno desses três pistoleiros (O Bom, o Mau e o Feio) competindo para descobrir uma fortuna em ouro, enterrada em algum lugar central dos EUA, que vive a sua Guerra Civil.

Em seu lançamento, o filme tornou-se um sucesso comercial, arrecadando mais de US$25 milhões em bilheteria. Por conta da desaprovação geral do gênero Western (Bangue-Bangue Faroeste) na época, a recepção crítica no lançamento do longa-metragem foi mista.

Porém, com o passar dos anos, a obra foi pouco a pouco ganhando espaço entre os críticos e hoje é a referência maior entre os títulos desse gênero, alavancando a própria carreira de Clint Eastwood (O Bom) para papéis do tipo.

Onde assistir: YouTube Filmes

 (New Line Cinema/Reprodução)

10. The Lord of the Rings: The Fellowship of the Ring (2001);Nota 8.8/10

The Lord of the Rings: The Fellowship of the Ring (no Brasil O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel) é o primeiro filme da acalmada trilogia inspirada nos livros homônimos de J. R. R. Tolkien.

Lançado em dezembro de 2001, o filme foi aclamado por críticos e fãs, especialmente porque muitos destes julgaram o filme como a mais fiel adaptação da história original da literatura de Tolkien, faturando mais de US$ 880 milhões em bilheterias.

É considerado pelo IMDb como o 10º melhor filme já feito. Senhor dos Anéis e O Poderoso Chefão são as únicas franquias que aparecem mais de uma vez no Top 10 feito pelo IMDb.

Indicado para mais de 10 categorias no Oscar, o filme faturou 4 prêmios (Melhor Maquiagem; Melhor Efeitos Visuais; Melhor Fotografia e Melhor Trilha Sonora).

Onde assistir: YouTube Filmes e HBO Max

As séries mais bem avaliadas pelo IMDb

 (BBC/Reprodução)

1. Planet Earth II (2016); Nota 9.5/10

Planet Earth II é, segundo o IMDb, a melhor série de televisão já feita na história. Em seus seis episódios, a série retrata desde ilhas remotas que abrigam algumas das criaturas mais raras do planeta, até verdadeiros santuários naturais em meio a grandes cidades que abrigam, de forma conjunta, uma série de espécies animais e seres humanos.

Os episódios são divididos pelas localizações apresentadas: Ilhas, Montanhas, Florestas, Desertos, Pastagens e Cidades.

A série é a sequência direta de Planet Earth (2006), também apresentada e narrada por David Attenborough e produzida pela BBC, com coprodução do Discovery Channel.

Onde assistir: Google Play, futuramente no Discovery Plus (serviço de streaming do Discovery) e BBC

 (BBC/Reprodução)

2. Planet Earth (2006); Nota 9.4/10

A segunda série mais bem avaliada pelo IMDb é justamente a primeira parte do documentário sobre a vida selvagem e a natureza no planeta Terra. Lançada em 2006, a série foi uma das primeiras produções a ser filmada em alta definição (HD), uma novidade para a época.

Onde assistir: Google Play, futuramente no Discovery Plus (serviço de streaming do Discovery) e BBC

 (AMC/Reprodução)

3. Breaking Bad (2008); Nota 9.4/10

A saga do professor de química Walter White que vira traficante de drogas para juntar dinheiro após descobrir um câncer é considerada uma das mais icônicas séries da cultura pop atualmente e ficou no terceiro lugar de série mais bem avaliada pela crítica do IMDb.

A série foi originalmente exibida pelo canal de televisão por assinatura AMC, onde estreou no dia 20 de Janeiro de 2008 e, depois de cinco temporadas de sucesso, teve seu último episódio transmitido no dia 29 de Setembro de 2013.

Ao longo de suas cinco temporadas, Breaking Bad foi calçando sua audiência (e as boas críticas) aos poucos e, com o fim da série, a série já ganhou inúmeros prêmios e indicações, incluindo dez Emmys, incluindo um de Melhor Série Dramática.

Por sua interpretação de Walter White, Bryan Cranston ganhou o Emmy de Melhor Ator em Série Dramática três anos consecutivos em 2008, 2009, 2010 e 2014. Distribuída globalmente no streaming pela Netflix, a série ainda ganhou um filme de formato spin-off chamado El Camino, contando o restante da história de Jesse Pinkman (Aaron Paul), após o fim da série principal.

A série possui 62 episódios de aproximadamente 50 minutos cada divididos ao longo de 5 temporadas.

Onde assistir: Netflix

 (HBO/Reprodução)

4. Band of Brothers (2001); Nota 9.4/10

Band of Brothers, que ganhou o título de Irmãos de Guerra no Brasil, é uma série de 2001 lançada pela HBO inspirada no livro de não-ficção de 1992 do historiador Stephen E. Ambrose de mesmo nome.

A série retrata os dramas vividos por um esquadrão de soldados paraquedistas americanos desde o seu treinamento de salto nos Estados Unidos passando por sua participação em grandes ações na Europa ocupada pela Alemanha Nazista, até a capitulação do Império do Japão e o fim da Segunda Guerra Mundial.

Tanto a série, que teve Tom Hanks e Steven Spielberg como produtores, como o livro, contam com uma extensa pesquisa e entrevistas com os veteranos de guerra da Easy Company (nome do esquadrão) que sobreviveram.

Para os críticos, a minissérie destaca-se, dentre outros motivos, pelos esforços em sua ambientação de guerra e pela veracidade das cenas e dos momentos históricos que marcaram os EUA e o mundo durante a Segunda Guerra Mundial. A série possui apenas uma temporada com 10 episódios de aproximadamente uma hora cada.

Onde assistir: HBO Max

 (HBO/Reprodução)

5. Chernobyl (2019); Nota 9.3/10

Chernobyl é, sem dúvida, um dos maiores sucessos recentes da HBO no mundo das séries, ao lado de Game of Thrones. E, segundo os críticos do IMDb, é a segunda série mais bem avaliada da HBO na história.

Produzida por Craig Mazin, a minissérie retrata de forma ficcional e dramática estórias de homens e mulheres envolvidos e afetados pelo acidente nuclear de 1986 na usina de Chernobyl, na antiga União Soviética (hoje Ucrânia).

Dividida em cinco episódios, a minissérie estreou em 6 de maio de 2019, nos Estados Unidos, sendo muito bem recebida pela crítica e pelo público. Na 71ª Cerimônia do Emmy Awards, Chernobyl recebeu dezenove indicações, vencendo nas categorias de "Melhor Minissérie", "Melhor Direção" e "Melhor Roteiro"

Embora as narrativas sejam fictícias, alguns personagens e seus dramas vividos são inspirados em personalidades reais. A física nuclear Ulana Khomyuk (Emily Watson), por exemplo, embora ficcional, personifica os muitos cientistas que trabalharam destemidamente e se colocaram em grande perigo para ajudar a resolver a situação.

Além dos diversos prêmios e sucesso de crítica, Vladimir Medinsky, ministro da cultura da Rússia, cujo pai foi trabalho na recuperação de Chernobyl, afirmou que a série foi “feito com maestria” e “filmado com grande respeito pelas pessoas comuns”

Onde assistir: HBO Max

 (HBO/Reprodução)

6. The Wire (2002); Nota 9.3/10

The Wire, também da HBO, é uma das séries policiais mais conceituadas, já que o seu escritor e criador foi, por anos, um repórter policial: David Simon. Além disso, o tom geral da séria foge muito de outras produções do gênero, como CSI e Criminal Minds, já que o foco não é necessariamente na investigação criminal e sim nas histórias enlaçadas entre as esferas de poder e influência do crime, da lei e da sociedade.

Apesar de uma audiência modesta enquanto esteve no ar no início dos anos 2000, The Wire passou a ser reconhecida e aclamada como uma das melhores séries de televisão de todos os tempos e conquista a sexta posição entre os críticos do IMDb.

A história de The Wire aborda o narcotráfico na cidade de Baltimore, tanto pela ótica dos narcotraficantes, quanto pela ótica dos agentes da lei que os investigam e processam.

E a cada nova temporada, The Wire introduz e explora uma instituição distinta da cidade e sua relação com as autoridades legais e policiais e os criminosos (como políticos, burocratas, as escolas, a imprensa e etc), enquanto desenvolve as tramas mais profundas e mergulha em diversos personagens complexos.

A série ficou no ar durante quase seis anos (junho de 2002 – março 2008) e rendeu 60 episídios, divididos em 5 temporadas.

Onde assistir: HBO Max

 (BBC/Divulgação)

7. Blue Planet II (2017); Nota 9.3/10

Blue Planet II, também produzida pela BBC e apresentada por David Attenborough, segue a mesma linha de produção de Planet Earth, só que dessa vez pega o telespectador para conhecer as maravilhas dos oceanos e da vida marinha da terra.

Onde assistir: Google Play; BBC e futuramente no Discovery Plus (serviço de streaming do Discovery)

 (Netflix/Divulgação)

8. Our Planet (2019); Nota 9.2/10

Nosso Planeta parece ser a aposta da Netflix para aproveitar o sucesso das séries da BBC sobre o planeta Terra. A jogada da Netflix parece ser tão clara que eles até contratam o David Attenborough para narrar.

A série aborda questões de conservação ambiental apresentando animais em seus respectivos habitats e, diferente do que buscou a BBC com Planeta Terra, Nosso Planeta foca em mostrar os impactos das ações humanas sobre o meio ambiente, como o aquecimento global e o desmatamento que vem afetando a vida de todos os seres vivos. Esse foi o primeiro documentário de natureza feito pela Netflix.

A série possui um total de oito episódios, com uma só temporada.

Onde assistir: Netflix

 (NatGeo/Divulgação)

9. Cosmos: A Spacetime Odyssey (2014); Nota 9.2/10

Cosmos: Uma Odisseia do Espaço-Tempo é um remake da icônica série Cosmos, apresentada por Carl Sagan. Dessa vez, porém, o apresentador é o físico Neil deGrasse Tyson. A série, produzida pela Fox e pela NatGeo, estreou em março de 2014.

Além do próprio Neil deGrasse Tyson, apresentador da série, e dos trechos da primeira versão em que Carl Sagan reaparece, Cosmos: A Spacetime Odyssey traz uma série de trechos de animação em que atores célebres realizaram a dublagem, além de algumas poucas cenas em que o ator em si aparece em interações pontuais com Neil deGrasse no interior da nave da imaginação.

De uma forma leve, interessante e educativa, a série retrata e debate importantes questões da física, da astronomia e até mesmo questões mais filosóficas sobre tempo, espaço e realidade.

Onde assistir: Disney+

 (Nickelodeon/Reprodução)

10. Avatar: The Last Airbender (2005); Nota 9.2/10

Avatar: The Last Airbender (Avatar: a lenda de Aang, no Brasil) é a única produção 100% animada na lista das melhores séries já feitas segundo o IMDb, criada por Bryan Konietzko e Michael Dante DiMartino com três temporadas que foram ao ar no canal infantil Nickelodeon.

A série, que mistura elementos de anime e da animação ocidental, é ambientada em um mundo baseado nas culturas dos povos asiáticos onde algumas pessoas podem manipular os quatro elementos (água, fogo, terra e ar) e são dívidas em tribos.

A trama da série gira em torno do “Avatar”, aquele que consegue dominar os quatro elementos. Segundo as tradições, o Avatar é o único que pode parar o avanço da Nação do Fogo sob as outras civilizações.

A série possui ao todo 61 episódios, divididos em 3 temporadas.

Onde assistir: Netflix

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também