Uber consegue vitória importante e poderá rodar em Londres

A licença de operação da empresa tinha sido revogada no ano passado.

LONDRES - O Uber recebeu nesta semana uma nova licença para operar em Londres, depois que uma juíza disse que a empresa fez as mudanças necessárias para voltar a ser considerada como apta para operar o serviço de transporte urbano por aplicativo na capital britânica. A licença de operação da empresa tinha sido revogada no ano passado.

O regulador de transportes de Londres (TfL, na sigla em inglês) se recusou em setembro a conceder à empresa norte-americana uma licença que permitiria o Uber operar na cidade por mais cinco anos, citando falhas em procedimentos para denúncia de crimes e verificações de antecedentes dos motoristas.

Mas a juíza Emma Arbuthnot decidiu na terça-feira que o aplicativo poderá operar em Londres com uma licença de 15 meses, sujeita a condições estritas.

O Uber admitiu que a decisão do TfL de negar sua licença em 2017 foi correta, mas disse que mudanças em sua política e em sua equipe justificam a concessão de uma nova autorização, mais curta, para a empresa provar que mudou suas práticas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.