Petrobras reafirma construção de refinaria no Maranhão

Os projetos foram colocados sob avaliação, mas apenas porque não ficarão prontos antes de 2017, e o plano apresentado vai até 2016, segundo a Petrobras

São Paulo - A presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, reafirmou nesta terça-feira, em reunião com a governadora do Maranhão, Roseana Sarney, que a estatal irá construir no Estado a refinaria Premium I.

A Premium I foi uma das três refinarias colocadas sob avaliação no novo plano de negócios da Petrobras, que vai de 2012 a 2016. A Premium II, no Ceará, mais a segunda etapa do Comperj, no Rio, também estão nessa situação.

Os projetos foram colocados sob avaliação, mas apenas porque não ficarão prontos antes de 2017, e o plano apresentado vai até 2016, segundo a Petrobras.

Segundo Graça Foster, como é chamada a presidente da estatal, no período do plano de negócios 2012-2016 estão contemplados recursos para a fase de implantação do projeto da Premium I.

"A refinaria é importante para nós, acreditamos em sua viabilidade e devemos demonstrá-la", disse a presidente a estatal em nota.

Atualmente, a Petrobras trabalha para adequar o projeto aos parâmetros internacionais de preço, prazo e uso de tecnologia padronizada.


A previsão de conclusão da obra é em meados de 2018, podendo ser antecipada para o segundo semestre de 2017.

Para a presidente da estatal, a Premium I é essencial para que a Petrobras possa atender à crescente demanda por combustíveis no País.

"Buscamos o equilíbrio no balanço entre oferta e demanda de derivados, e para isso é fundamental a construção da refinaria do Maranhão", afirmou Graça Foster em comunicado.

A refinaria Premium I terá dois trens independentes de refino, cada um deles com capacidade de processamento de 300 mil barris de petróleo por dia.

O principal produto da Premium I será diesel, com mais de 55 por cento da capacidade de produção.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.