A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Petrobras inaugura Unidade Protótipo de Catalisadores

Com capacidade de produzir até 100 kg de catalisadores/dia, a Procat desenvolve com a Petrobras um projeto de pesquisa com três linhas de trabalho

Rio de Janeiro - A Petrobras, a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a Fábrica Carioca de Catalisadores (FCC) inauguraram nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro, a Unidade Protótipo de Catalisadores (Procat), voltada à pesquisa de novas tecnologias de preparo de catalisadores e seus componentes. O investimento é de R$ 27 milhões.

De acordo com a Petrobras, o Brasil é o único país da América Latina que produz catalisadores de FCC (fluid catalytic cracking ou craqueamento catalítico fluido), o maior insumo das refinarias.

Em breve, acrescentou a estatal, a FCC fabricará catalisadores de hidroprocessamento, fundamentais para combustíveis menos agressivos ao meio ambiente.

Com capacidade de produzir até 100 kg de catalisadores/dia, a Procat desenvolve com a Petrobras um projeto de pesquisa com três linhas de trabalho: catalisadores para craqueamento catalítico fluido (processo utilizado para transformar petróleos pesados, de pequeno valor, em derivados leves, de maior valor); catalisadores para abatimento de emissões de gás carbônico em processos industriais; e catalisadores para área de polímeros.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também