Negócios

Petrobras eleva previsão de captação neste ano para US$13 bi

Nesta sexta-feira, a estatal informou que "(a previsão de captação) inclui a oferta de debêntures anunciada em julho"

Petrobras: anteriormente a previsão era de US$ 4 bi (Paulo Whitaker/Reuters)

Petrobras: anteriormente a previsão era de US$ 4 bi (Paulo Whitaker/Reuters)

R

Reuters

Publicado em 11 de agosto de 2017 às 13h09.

Rio de Janeiro- A Petrobras aumentou a previsão para captações de recursos em 2017 para 13 bilhões de dólares em 2017, ante previsão anterior publicada em maio de 4 bilhões de dólares, informou a empresa nesta sexta-feira, em uma apresentação ao mercado.

"(A previsão de captação) inclui a oferta de debêntures anunciada em julho", afirmou a gerente-executiva de Relacionamento com Investidores da empresa, Isabela Carneiro da Rocha, ao abrir a teleconferência com analistas sobre os resultados do segundo trimestre.

Em julho, a Petrobras informou que seu Conselho de Administração aprovou a emissão de até 5 bilhões de reais em debêntures simples.

Já a previsão para a geração de caixa operacional caiu para 27 bilhões de dólares, ante 30 bilhões anteriormente.

Acompanhe tudo sobre:Capitalização da PetrobrasEmpresas estataisPetrobras

Mais de Negócios

Conheça o instituto que viabiliza projetos sociais em diferentes regiões do Brasil

Ajuda da Renner ao RS terá impacto de R$ 50 milhões, diz CEO. O próximo passo: uma coleção especial

Veja alguns motivos pelos quais os brasileiros estão investindo bilhões de dólares em renda fixa

Ranking Negócios em Expansão 2024: veja a lista das empresas selecionadas

Mais na Exame