Negócios

Lucro do UniCredit cai 12% no 3º trimestre

A receita do UniCredit, que é o maior banco da Itália em ativos, subiu para 5,46 bilhões de euros no último trimestre, de 5,33 bilhões de euros um ano antes

UniCredit: em 13 de dezembro, o UniCredit deve apresentar um novo plano estratégico, que poderá incluir a venda de ativos e de empréstimos inadimplentes (Alessandro Garofalo/Reuters)

UniCredit: em 13 de dezembro, o UniCredit deve apresentar um novo plano estratégico, que poderá incluir a venda de ativos e de empréstimos inadimplentes (Alessandro Garofalo/Reuters)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 10 de novembro de 2016 às 12h18.

Roma - O banco italiano UniCredit divulgou hoje que teve lucro líquido de 447 milhões de euros no terceiro trimestre do ano, 12% menor que o ganho de 507 milhões de euros obtido no mesmo período de 2015.

O resultado foi afetado por uma queda da margem sobre empréstimos e despesas maiores com impostos.

A receita do UniCredit, que é o maior banco da Itália em ativos, subiu para 5,46 bilhões de euros no último trimestre, de 5,33 bilhões de euros um ano antes.

Em 13 de dezembro, o UniCredit deve apresentar um novo plano estratégico, que poderá incluir a venda de ativos e de empréstimos inadimplentes.

O executivo-chefe do banco, Jean-Pierre Mustier, está trabalhando no plano desde que assumiu o cargo, em meados do ano. Fonte: Dow Jones Newswires.

Acompanhe tudo sobre:BancosEmpresas italianasLucro

Mais de Negócios

Sentimentos em dados: como a IA pode ajudar a entender e atender clientes?

Como formar líderes orientados ao propósito

Em Nova York, um musical que já faturou R$ 1 bilhão é a chave para retomada da Broadway

Empreendedor produz 2,5 mil garrafas de vinho por ano na cidade

Mais na Exame