Embraer indica ex-executivos de Airbus e Boeing para conselho

Um dos indicados é Todd Freeman, ex-Airbus Americas, antes de trabalhar por 29 anos na GE Capital Aviation Services (Gecas)
 (David Becker/Reuters)
(David Becker/Reuters)
R
Reuters

Publicado em 16/07/2021 às 18:31.

Última atualização em 16/07/2021 às 19:04.

A fabricante brasileira de jatos Embraer anunciou nesta sexta-feira que convocou uma assembleia de acionistas para 16 de agosto, na qual quer eleger dois ex-executivos da Airbus e da Boeing para seu conselho de administração.

Um dos indicados é Todd Freeman, ex-Airbus Americas, antes de trabalhar por 29 anos na GE Capital Aviation Services (Gecas), onde liderou a área de aviação regional e o negócio na região do Oriente Médio, África e Rússia.

O outro é Kevin McAllister, também com passagem pela GE, onde presidiu a GE Aviation Services, antes de ser presidente da divisão de aviação comercial da Boeing.

"Após a eleição dos dois novos integrantes, o conselho da companhia será composto de dez membros independentes, composição que será mantida até a próxima eleição em 2023", afirmou a Embraer em comunicado.

  • Quais são as tendências entre as maiores empresas do Brasil e do mundo? Assine a EXAME e saiba mais.