A página inicial está de cara nova Experimentar close button

CEO da Volkswagen espera retomada significativa no 2º semestre

O diretor-presidente da Volkswagen, Herbert Diess, tem uma perspectiva otimista para o segundo semestre deste ano

O diretor-presidente da Volkswagen, Herbert Diess, tem uma perspectiva otimista para o segundo semestre deste ano, mesmo com o efeito da Covid-19 e da escassez global de semicondutores nos resultados do primeiro trimestre.

Diess espera que a economia global mostre “recuperação no segundo semestre do ano, quando deveremos ver os programas de vacinação em andamento surtirem efeito”, disse o CEO a executivos da montadora em webcast interno na segunda-feira, de acordo com comentários vistos pela Bloomberg News. “Espero que as pessoas comprem mais carros. Devemos nos preparar para uma recuperação significativa.”

O webcast foi o primeiro de Diess com os principais gerentes neste ano e contou com a presença de novos membros do conselho da Volks, Murat Aksel e Thomas Schmall. Um porta-voz da Volkswagen confirmou os comentários.

A maior montadora da Europa perdeu o primeiro lugar no ranking de vendas globais para a Toyota Motor no ano passado, mas vendeu mais carros elétricos do que a Tesla na Europa e redobrou as apostas no maior programa mundial de veículos movidos exclusivamente a bateria. A Volks planeja lançar o crossover ID.4 sob sua marca homônima em 2021 e apresentar mais versões dos modelos Audi e-tron e Porsche Taycan. As duas marcas de luxo geram a maior fatia dos lucros para a gigante industrial da Alemanha.

Diess disse no mês passado, durante roadshow para investidores dos EUA organizado pelo UBS, que a Volks espera vender cerca de 600 mil carros movidos exclusivamente a bateria neste ano, com o ID.4 respondendo por 150 mil unidades. Mas enfatizou que a Volks vai buscar proteger as margens enquanto aumenta os volumes de vendas.

Montadoras e fornecedores avaliaram os negócios em janeiro um pouco melhor do que no mês anterior, segundo o instituto de pesquisa alemão Ifo. “Os fabricantes de automóveis estão cuidadosamente otimistas de que a demanda aumentará após o lockdown”, disse Klaus Wohlrabe, chefe de pesquisas do Ifo, em comunicado.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também