A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Casino diz que Abilio e Carrefour ignoraram ética comercial

Em comunicado divulgado ao mercado, grupo francês deseja apenas que o contrato em vigor seja respeitado

São Paulo - O Casino, nesta quarta-feira (29/9), reiterou sua total insatisfação em relação as negociações entre o grupo Pão de Açúcar e o Carrefour.

Por meio de nota publicada na data de hoje, o grupo afirmou que o Carrefour e o A bilio Diniz ignoraram deliberadamente tanto a lei e os contratos quanto os princípios comerciais da ética comercial.

O grupo disse também que desde 1999 tem sido um acionista leal ao Pão de Açúcar. "Fomos convidados por Diniz para sermos acionista majoritário em uma época que a companhia passava por sérias dificuldades", disse o comunicado.

"Desejamos apenas o pleno e contínuo respeito à letra e ao espírito dos contratos em vigor. Estamos confiantes que as leis e as autoridades brasileiras não permitirão que prevaleça qualquer ameaça que viole os direitos constituídos de acordo com as leis do país", afirmou.   
 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também