Baidu cancela fundo de US$60 mi para startups brasileiras

O Easterly Ventures tinha como objetivo investir em startups brasileiras que estivessem em fase de crescimento, com modelo de negócios já definido

São Paulo - A gigante da internet chinesa Baidu cancelou seu fundo de investimentos de 60 milhões de dólares focado no Brasil.

Criado em setembro do ano passado, o Easterly Ventures tinha como objetivo investir em startups brasileiras que estivessem em fase de crescimento, com modelo de negócios já definido e base de usuários.

O plano era aplicar recursos em 10 a 15 empresas do país em troca de participações minoritárias. O Baidu é dono do site de compras coletivas Peixe Urbano no Brasil.

Em fevereiro, o executivo Liu Wei foi escolhido como presidente do Baidu Ventures, responsável pela política de investimentos da companhia e pelos fundos de investimento regionais que a empresa possui. Wei assumiu o cargo promovendo mudanças na operação.

Conforme antecipado por EXAME Hoje, Wei foi o principal responsável pelo fim das negociações em que o Peixe Urbano pretendia adquirir a operação brasileira do americano Groupon (comprada mais tarde pelo grupo chileno Mountain Nazca).

A assessoria do Baidu confirmou, por meio de nota, que seu fundo será encerrado. “Novos investimentos deverão focar-se em tecnologias e serão conduzidos a partir de nossa matriz e não mais por fundos locais”, afirma a empresa.

O Baidu ressaltou também que “mantém sua posição de confiança no mercado local e continua procurando oportunidades e sinergias com parceiros brasileiros”.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.