A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Tiros em Munique; Pokemon no Japão…

Tiroteio em Munique

Disparos mataram pelo menos nove pessoas em um shopping center em Munique. O tiroteio ocorreu dentro de uma loja do McDonald’s, e testemunhas falam em três atiradores — até o fim da tarde, nenhum deles havia sido encontrado pela polícia, mas acredita-se que um esteja entre os nove mortos. As autoridades ainda não têm informações sobre a identidade dos criminosos ou as motivações do ataque, mas não descartam a possibilidade de um novo atentado terrorista. Em visita à sede da ONU em Nova York, o ministro das Relações Exteriores do Reino Unido, Boris Johnson, declarou que, se o ocorrido se confirmar como mais um atentado terrorista, o mundo terá uma nova prova de que há uma “doença global” que precisa ser atacada “na fonte, nas áreas do Oriente Médio onde esse câncer está sendo encubado”.

Trump: convenção do amor

Depois de ser oficializado como candidato republicano à Presidência no encontro nacional do partido em Cleveland, Donald Trump discursou nesta sexta-feira afirmando que foi responsável por unir o partido na convenção “mais cheia de amor” da história. O magnata aproveitou para alfinetar o senador Ted Cruz, afirmando que “não quer o apoio dele”. As desavenças entre Trump e Cruz, já existentes desde as primárias, intensificaram-se na quarta-feira 20 depois de o senador não declarar apoio ao magnata em seu discurso na convenção republicana e pedir à plateia para votar “de acordo com sua consciência”.

A globalização de Obama

O presidente americano, Barack Obama, recebeu nesta sexta-feira uma visita do presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, e falando ao lado do colega na Casa Branca reforçou seu apoio ao Acordo Transpacífico de Cooperação Econômica (o chamado TPP), que envolveria o México e mais dezenas de países. Segundo o presidente, o TPP trará melhorias em relação a pontos fracos do Nafta — acordo entre México, Estados Unidos e Canadá — e afirmou que os estadunidenses “não poderão construir uma parede” para se isolar da globalização. Obama também aproveitou a ocasião para rebater críticas de Trump afirmando que a criminalidade e as taxas de imigração ilegal diminuíram no país em seu governo.

Previsões nebulosas no Reino Unido

A economia britânica vive um período de deterioração mais intenso desde a crise mundial em 2008, segundo o aguardado relatório da consultoria Markit. O índice PMI, desenvolvido pela companhia, que mede a atividade econômica no setor industrial e de serviços, caiu de 52,4 para 47,4 — o menor nível em 87 meses. O estudo ainda prevê uma contração de 0,4% na economia britânica no terceiro trimestre. Chris Williamson, economista-chefe do Markit, chamou a queda de “dramática” e afirmou que a saída do Reino Unido da União Europeia espalhou um sentimento de pessimismo no mercado.

American Airlines surpreende

Maior companhia aérea do mundo, a American Airlines divulgou nesta sexta-feira seus resultados do último trimestre, com lucro de 950 milhões de dólares — 1,77 dólar por ação —, ultrapassando as previsões do mercado. Outro ponto positivo foram os gastos de operação, que diminuíram 3,3%. Apesar de maior do que o esperado, o lucro total do período foi 44,2% menor do que o obtido no mesmo período do ano passado. Segundo a empresa, a queda se deve à maior concorrência no setor, além do cenário econômico fraco globalmente e do enfraquecimento da moeda estrangeira. De qualquer forma, os resultados animaram os investidores, e as ações da companhia fecharam o dia em alta de 4%.

Pokemon Go no Japão

O game de realidade virtual Pokemon Go foi lançado no Japão nesta sexta-feira, empolgando os fãs do país, que é a terra natal dos personagens. O aplicativo foi liberado no início da tarde desta sexta-feira. “Treinadores do Japão, obrigada por terem sido pacientes”, disse a Niantic, empresa desenvolvedora do game, em sua conta oficial no Twitter. Para o lançamento no país, a Niantic fez uma parceria com o McDonald’s e posicionará pokemons para ser capturados em restaurantes da rede de fast-food. Nesta sexta-feira, o game também comemorou a quebra de um novo recorde do game: embora até então tenha ficado disponível apenas na Austrália, na Nova Zelândia e nos Estados Unidos, a Apple anunciou que o aplicativo foi o mais baixado da história em sua primeira semana de vida na App Store, loja de aplicativos da empresa.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também