Senado italiano aprova reforma da Constituição

A reforma foi adotada por 179 votos a favor, 16 contra e 7 abstenções e estabelece o fim do bicameralismo perfeito que reina na Itália desde 1947

O Senado italiano aprovou nesta terça-feira uma importante reforma da Constituição, que reduz consideravelmente os poderes da própria casa, algo inédito em 70 anos de história da República italiana.

A reforma foi adotada por 179 votos a favor, 16 contra e 7 abstenções e estabelece o fim do bicameralismo perfeito que reina na Itália desde 1947.

A oposição de esquerda, parte da centro-direita e o movimento Cinco Estrelas não participaram da votação.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.