Protesto no México termina com 51 feridos e 97 detidos

Confrontos entre manifestantes e policiais deixaram 51 feridos e 97 detidos, ao final de passeata por ocasião do 45º aniversário de massacre de estudantes

México - Confrontos entre manifestantes e policiais nesta quarta-feira, na Cidade do México, deixaram 51 feridos e 97 detidos, ao final de uma passeata por ocasião do 45º aniversário do massacre de estudantes em Tlatelolo.

Milhares de pessoas, incluindo estudantes e sobreviventes do massacre, ocuparam as ruas para exigir justiça, em uma passeata que partiu da Praça das Três Culturas, no bairro de Tlatelolco, onde militares e paramilitares abriram fogo contra cerca de 8 mil estudantes durante a presidência de Gustavo Díaz Ordaz (1964-1970).

Ao longo da passeata, grupos de encapuzados atiraram pedras, rojões e coquetéis molotov contra os policiais de choque que acompanhavam o protesto.

Segundo a Cruz Vermelha, os incidentes deixaram 51 feridos entre policiais, manifestantes e jornalistas.

A polícia deteve 97 pessoas, segundo a secretaria de Segurança Pública da capital do México.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.