Presidente da Catalunha convoca eleições antecipadas

Na abertura de um debate no Parlamento regional, Mas anunciou a dissolução da câmara e a convocação do pleito, que, por sua vez, será antecipado em dois anos

Barcelona – O presidente do governo regional da Catalunha, o nacionalista Artur Mas, anunciou nesta terça-feira a antecipação das eleições nesta comunidade autônoma do nordeste da Espanha para o próximo dia 25 de novembro.

Na abertura de um debate no Parlamento regional, Mas anunciou a dissolução da câmara e a convocação do pleito, que, por sua vez, será antecipado em dois anos.

Em uma referência à grande manifestação independentista realizada em Barcelona no último dia 11 de setembro, classificada como um ”grande ato de fé na Catalunha”, Mas assegurou que agora cabe a ele e aos políticos interpretar o ocorrido.

O anúncio da antecipação eleitoral, apenas dois anos depois do pleito que levou Mas ao poder, ocorre após o presidente do Governo espanhol, Mariano Rajoy, rejeitar a proposta de conceder à Catalunha um tratamento fiscal próprio e diferenciado do restante das autonomias.

Rajoy, por sua vez, disse que esse plano não segue a Constituição espanhola, embora tenha aceitado analisar a revisão do atual sistema de financiamento autônomo em um contexto de profunda crise econômica, que obrigou os governos regionais a acometer, da mesma forma que o Executivo central, cortes muito impopulares.

Artur Mas pretendia para a Catalunha um pacto econômico especial como o do País Basco e de Navarra, regiões do norte da Espanha que arrecadam seus tributos e fornecem ao Estado espanhol uma quantidade pactuada. No entanto, em ambos os casos, esta especificidade não altera a Constituição do país.

Os dirigentes catalães alegam que a Catalunha fornece aos cofres do estado espanhol uma quantidade muito superior a que recebe.

No último mês de agosto, o Executivo autônomo solicitou ao Governo espanhol uma adesão ao Fundo de Liquidez destinado às regiões para pedir 5 bilhões de euros emprestados para quitar o déficit público pactuado.

Em seu discurso diante do Parlamento, Mas destacou o potencial econômico da comunidade autônoma, cujas vendas para fora do país foram superiores pela primeira vez no último ano às realizadas no resto da Espanha. 

Suporte a Exame, por favor desabilite seu Adblock.