Premiê diz que responsáveis por explosão em Beirute vão pagar o preço

Duas grandes explosões em Beirute causaram danos em toda a cidade e deixaram pelo menos 25 mortos

O primeiro-ministro do Líbano, Hassan Diab, disse que os responsáveis ​​por uma explosão em um armazém "perigoso" na área portuária de Beirute, que abalou vários pontos da capital libanesa, vão pagar o preço.

"Eu prometo a você que essa catástrofe não irá passar sem responsabilização. Os responsáveis ​​pagarão o preço", disse ele em um discurso televisionado.

"Os fatos sobre esse armazém perigoso, que existe desde 2014, serão anunciados e eu não irei antecipar as investigações", acrescentou.

Duas grandes explosões em Beirute causaram danos em toda a cidade e deixaram pelo menos 25 mortos nesta terça-feira. Até o momento, não há confirmação do que causou o desastre.

Em vídeos publicados nas redes sociais, é possível ouvir um forte barulho, seguido por uma nuvem de fumaça que lembra o formato de cogumelo — comum em situações em que há estouro de bombas. A explosão mais forte parece ter acontecido depois de outra, mais fraca, que já chamava a atenção das pessoas, que começaram a filmá-la.

Veja os vídeos

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.