Irmandade Muçulmana se manifestará contra golpe no Egito

Em comunicado divulgado pelo grupo, Aref insistiu na necessidade de que as manifestações sejam pacíficas e não acabem em violência

Cairo - Egípcios membros da Irmandade Muçulmana se manifestarão na sexta-feira contra o golpe de Estado militar que depôs e prendeu o presidente do Egito Mohamed Mursi, anunciou nesta quinta-feira um de seus porta-vozes, Ahmed Aref.

Em comunicado divulgado pelo grupo, Aref insistiu na necessidade de que as manifestações sejam pacíficas e não acabem em violência.

Além disso, pediu que as instituições do estado garantam a segurança dos cidadãos.

O porta-voz condenou também a detenção de líderes da Irmandade Muçulmana e o fechamento de canais de televisão islâmicos, uma das práticas que "devolvem ao Egito a tirania, a ditadura e a corrupção que sofreu durante as três décadas em que Hosni Mubarak governou o país".

Aref participou de uma conferência organizada pela Aliança Nacional em Defesa da Legitimidade Eleitoral - que inclui os membros da Irmandade Muçulmana - na praça Rabea al Adauiya, no Cairo, palco de manifestações a favor de Mursi.

As Forças Armadas egípcias depuseram na quarta-feira o chefe de Estado muçulmano, eleito há um ano, e designaram como líder interino do país o presidente do Tribunal Constitucional, Adly Mansour, que deverá convocar e supervisionar as próximas eleições presidenciais.

Os partidários de Mursi continuaram a protestar em diferentes cidades do país em defesa da legitimidade do presidente deposto, pedindo que ele fosse restituído.

Enquanto isso, o paradeiro de Mursi continua oficialmente em segredo, embora uma fonte da Irmandade Muçulmana tenha dito que o líder foi retirado de sua equipe presidencial e levado para o Ministério da Defesa, onde estaria detido.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.