Michael Jordan e Nike doam 100 milhões de dólares para a comunidade negra

Valor será distribuido ao longo de 10 anos para organizações que buscam igualdade racial. Iniciativa surgiu após a morte de George Floyd

Por meio da marca Jordan Brand, uma parceria entre Michael Jordan e a fabricante de materiais esportivos Nike, foi anunciada nessa sexta-feira, 05, a iniciativa de doar 10 milhões de dólares para organizações que buscam “igualdade racial, justiça social e maior acesso à educação”. O valor será destinado ao longo de 10 anos.

O anúncio é feito em meio aos protestos por equidade racial, iniciados nos Estados Unidos após George Floyd, um homem negro, ser assassinado por um policial branco.

Por meio de nota emitida pela Nike, foi afirmado que por meio do programa Jordan Wings se concentramos em fornecer acesso à educação, orientação e oportunidade para jovens negros que enfrentam os obstáculos do racismo sistêmico. 

“Mas sabemos que podemos fazer mais. Além do investimento da NIKE, estamos anunciando um compromisso conjunto de Michael Jordan e Jordan Brand de doar US $ 100 milhões nos próximos 10 anos. Precisamos unir forças com a comunidade, o governo e os líderes cívicos para criar um impacto duradouro”. 

Anteriormente, Nike publicou um vídeo com a frase “Don’t do it” (alterando seu famoso lema “Just do it”), denunciando o racismo e a morte de inocentes. 

 

 

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.