Marcas também viram memes com a derrota do Brasil na Copa

Na enxurrada de piadas que tomou a internet desde a derrota do Brasil, também sobrou para as marcas, patrocinadoras ou não

São Paulo - Na ressaca da derrota histórica do Brasil pela Alemanha, sobrou para todo mundo, incluindo as marcas que veicularam campanhas ligadas à Copa de 2014.

As redes sociais, como de costume, encheram-se de piadas e deboches, numa demonstração de que pelo menos parte dos torcedores manteve o senso de humor - arrastando algumas empresas junto.

Um dos alvos foi a varejista Casas Bahia, responsável pela promoção que dava ao comprador de uma TV o direito de adquirir um segundo aparelho por R$ 1 se o Brasil fosse campeão. Com o placar amargo de ontem, não faltaram piadas conspiracionistas, gracejando que a rede estaria por trás da derrota brasileira.

A Sadia também teve seu slogan “Joga Pra Mim” transformado. Para quem não lembra, a campanha de apoio à seleção foi lançada para mostrar crianças que nunca viram o Brasil ser campeão.

Agora, os meninos e meninas do comercial aparecem em montagens com frase do tipo “Eu nem queria mesmo”. Alguns internautas já se organizam ao redor da hashtag #JogaPraMimHolanda, numa tentativa de secar o time da Argentina na segunda semi-final, nesta quarta-feira.

Já a Volkswagen, patrocinadora da CBF, teve seu DNA alemão relembrado com outra piada replicada pelos usuários: "5 gols em 30 minutos nem a Volkswagen", comentaram os internautas sobre a goleada. Detalhe: no Brasil, a montadora produz o modelo Gol em duas fábricas, Taubaté e São Bernardo do Campo, que possuem capacidade de produção de um gol por minuto, segundo a empresa.

Confira alguns dos memes com as marcas abaixo:

 //instagram.com/p/qPRUjIuJRv/embed/

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também