Imposto de Renda 2022: como declarar? Confira passo a passo completo

O prazo para prestação de contas no programa da Receita Federal foi prorrogado até 31 de maio; especialistas esclarecem as principais dúvidas e orientam como fazer a declaração de ações e outros rendimentos em guia completo
Imposto de Renda 2022: especialistas esclarecem as principais dúvidas e orientam como fazer a declaração de ações e outros rendimentos em guia completo da EXAME Invest (Agência Brasil/Marcello Casal Jr)
Imposto de Renda 2022: especialistas esclarecem as principais dúvidas e orientam como fazer a declaração de ações e outros rendimentos em guia completo da EXAME Invest (Agência Brasil/Marcello Casal Jr)
Por Thais CancianPublicado em 11/04/2022 18:22 | Última atualização em 12/05/2022 16:47Tempo de Leitura: 3 min de leitura

Em 2022, ano em que o Imposto de Renda completa um século de história, a Receita Federal espera receber 34,1 milhões de declarações, número próximo ao que foi recebido em 2021.

Com a prorrogação do prazo de entrega da declaração até 31 de maio de 2022, ainda há tempo para se organizar e prestar todas as devidas contas sem dores de cabeça. O pagamento das restituições permanece dentro dos mesmos prazos originais - de 31 de maio a 30 de setembro de 2022.

Para quem ainda não realizou a declaração e/ou tem dúvidas sobre os procedimentos e documentos necessários, a EXAME preparou um material completo para ajudar nesse processo.

Aprenda a declarar o Imposto de Renda sem erros: assista à live com Alice Porto, Contadora da Bolsa, e tire todas as suas dúvidas

Em transmissão gravada, o editor da EXAME Invest, Carlo Cauti, recebeu a Contadora da Bolsa de Valores, Alice Porto, para esclarecer os principais pontos na hora de prestar contas à Receita Federal. Para conferir o vídeo, basta se cadastrar gratuitamente aqui e acessar.

Ao se inscrever, você ainda vai receber o Guia do Imposto de Renda da EXAME, um e-book que traz o passo a passo completo para fazer a declaração sem complicações.

Com esse material em mãos, você vai entender:

  • Quais documentos é preciso separar para declarar o Imposto de Renda;
  • O que não pode ficar de fora;
  • Como declarar investimentos (ações, renda fixa, etc.).

Clique aqui para se cadastrar de graça e ter acesso à live e ao e-book com as principais orientações para declarar o Imposto de Renda em 2022

Como declarar ações e outros investimentos?


Para além das orientações e esclarecimentos sobre as declarações mais comuns - Imposto de Renda e Previdência, por exemplo -, ambos os materiais (live e e-book), produzidos e disponibilizados gratuitamente pela EXAME
aqui, também detalham como fazer a declaração de diferentes tipos de ativos de investimento, como:

  • Renda Fixa;
  • Ações, dividendos, JCP e ETFs;
  • Fundos de investimentos;
  • Fundos imobiliários;
  • BDRs.

Além de Alice Porto, a live também contou com a participação de outros especialistas para responder a dúvidas e entrar em detalhes sobre os processos de declaração dos ativos que representam.

Arthur Vieira, especialista em Fundos de Investimento Imobiliário (FIIs) do BTG Pactual, compartilhou os principais pontos a se considerar para declarar FIIs sem erros.

Bernardo Carneiro, especialista de BDRs do BTG Pactual, também participou para tratar do processo de declaração desses ativos internacionais.

Para os traders, há a participação de Otto Sparenberg, analista técnico do BTG Pactual.

Já no caso dos fundos de investimento, foi a vez de Juliana Machado, analista CNPI e especialista em fundos de investimentos do BTG Pactual.

E por último, representando o recente universo de criptomoedas, foi destaque a participação de Felipe Dantas, especialista em Criptoativos da EXAME.

Inscreva-se gratuitamente aqui e acesse a live gravada com todas as informações que você precisa saber para fazer a declaração do Imposto de Renda 2022

O que é a declaração e como funciona?


Uma das principais obrigações anuais de todo cidadão brasileiro é realizar a
declaração do Imposto de Renda, tributo cobrado pelo Governo Federal sobre os ganhos de pessoas físicas e jurídicas. Seu valor é pago à Receita Federal de acordo com os rendimentos declarados.

O procedimento é feito considerando o ano anterior. Neste ano, então, é preciso descrever os ganhos e gastos obtidos durante 2021. Na lista de rendimentos tributáveis, é declarado tudo que foi recebido no período, como salários, aluguéis, aposentadoria, prêmios de loterias e investimentos.

Os valores pagos são proporcionais aos rendimentos declarados, de modo que os declarantes com maior renda pagam mais impostos.

Cadastre-se de forma gratuita e tenha acesso à live e ao e-book Guia do Imposto de Renda 2022 da EXAME