Inteligência Artificial

Google Tradutor amplia suporte para 110 novos idiomas com ajuda de IA

Expansão inclui línguas muito solicitadas, como o Cantonês, e várias línguas africanas

André Lopes
André Lopes

Repórter

Publicado em 28 de junho de 2024 às 10h41.

O Google anunciou na quinta-feira, 27, a adição de suporte para 110 novos idiomas no Google Tradutor, ampliando o total de idiomas suportados para 243. Essa expansão, a maior já realizada pela empresa, foi possível graças ao modelo de linguagem PaLM 2, desenvolvido pela Google.

O PaLM 2 demonstrou especial eficiência em aprender idiomas relacionados entre si, como os dialetos próximos ao hindi, como Awadhi e Marwadi, e os crioulos franceses como o Crioulo das Seychelles e o Crioulo Mauriciano, segundo Isaac Caswell, engenheiro de software sênior do Google Tradutor, em uma publicação no blog da empresa.

Entre os novos idiomas suportados, destaca-se o Cantonês, uma das línguas mais solicitadas pelos usuários do Google Tradutor. Caswell explicou que o Cantonês apresenta desafios específicos, pois frequentemente se sobrepõe ao Mandarim na escrita, dificultando a obtenção de dados e o treinamento de modelos.

Caswell acrescentou que cerca de um quarto dos novos idiomas são oriundos da África. A maioria dos novos idiomas é falada por pelo menos um milhão de pessoas, enquanto "vários" são falados por centenas de milhões.

Acompanhe tudo sobre:GoogleApps

Mais de Inteligência Artificial

Fundo por trás da francesa Mistral levanta US$ 2 bilhões para investir em inteligência artificial

Microsoft desiste de assento de observador no conselho da OpenAI

Siri mais inteligente: Apple lançará Apple Intelligence no iOS 18.4 em 2025

Hacker teve acesso a mensagens entre funcionários da OpenAI

Mais na Exame