Economia
Acompanhe:

Carnaval de rua do Rio deve movimentar R$ 1 bilhão

"O Carnaval já começou. Já tivemos alguns blocos, já tivemos ensaio técnico na Sapucaí. O Rio de Janeiro tem um Carnaval que dura três, quatro meses", disse Ronnie Cosme, presidente da Riotur

Carnaval no Rio: público previsto é de mais de 5 milhões de pessoas (Fernando Maia/Riotur/Divulgação)

Carnaval no Rio: público previsto é de mais de 5 milhões de pessoas (Fernando Maia/Riotur/Divulgação)

E
Estadão Conteúdo

17 de janeiro de 2023, 18h14

Os blocos de Carnaval do Rio de Janeiro devem movimentar cerca de R$ 1 bilhão, com um público previsto de mais de 5 milhões de pessoas. A previsão do presidente da Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (Riotur), Ronnie Cosme, é que a folia das ruas responda por cerca de 20% do total que será movimentado pelo Carnaval no setor de comércio e serviços da cidade.

Cosme participou hoje, 17, da apresentação da estrutura que receberá as escolas de samba da Série Prata e Bronze, na zona norte do Rio de Janeiro.

"O Carnaval já começou. Já tivemos alguns blocos, já tivemos ensaio técnico na Sapucaí. O Rio de Janeiro tem um Carnaval que dura três, quatro meses", disse. "Depois de dois anos sem essa grande festa, a gente tem uma expectativa enorme."

Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso. Tudo por menos de R$ 0,37/dia.

Segundo o presidente da Riotur, um estudo da Agência de Promoção e Atração de Investimentos da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro (InvestRio) aponta que a movimentação comercial propiciada por todo o Carnaval pode chegar a R$ 5 bilhões.

O Carnaval do Rio de Janeiro é composto de uma série de festividades, como os desfiles das escolas de samba no Sambódromo e na Intendente Magalhães, os blocos e megablocos de rua e os bailes e festas privadas.

No caso do carnaval de rua, o número de blocos inscritos já passa de 600, em um balanço preliminar divulgado em 9 de janeiro pela Riotur.