Microdoses de LSD podem aumentar o foco e a cognição, mostra pesquisa

Estudo realizado com 24 pessoas na Europa avaliou os efeitos da droga administrada em doses reduzidas
LSD: cientistas investigam os efeitos de doses reduzidas da droga (microgen/Getty Images)
LSD: cientistas investigam os efeitos de doses reduzidas da droga (microgen/Getty Images)
Por Rodrigo LoureiroPublicado em 25/10/2020 09:00 | Última atualização em 25/10/2020 17:35Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Cientistas acreditam que pequenas dosagens de dietilamida ácido lisérgico, droga conhecida como LSD, podem aumentar o poder cognitivo e até melhorar o humor. As descobertas fazem parte de um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Basel, da Suíça, e da Universidade de Maastricht, na Holanda. Sem concentração e com falta de foco? Saiba como investir na sua saúde mental para alcançar seu potencial.

O estudo, publicado na revista científica European Neuropsychopharmacology nos últimos dias foi feito com voluntários que tomaram microdoses da droga e foram submetidos a testes para avaliar o foco  e a capacidade de processar informações. Os cientistas também ficaram atentos às mudanças de humor dos voluntários.

Apesar do estudo ter sido pequeno e contar com apenas algumas 24 voluntários, os pesquisadores relataram que há diferenças claras entre o que acontece com uma pessoa dependendo da dose de LSD ingerida. Os voluntários receberam doses entre 5 e 20 microgramas da droga. Para efeito de comparação, uma dose recreativa de LSD costuma ser de 100 mg.

Nos voluntários que tomaram doses de 5 microgramas, houve um aumento no poder de foco. O grupo também afirmou estar se sentindo “mais amigável” após a dose. Quem tomou a dose de 10 microgramas afirmou sentir-se “mais consciente”. O grupo que recebeu a dose de 20 microgramas teve uma melhora significativa no humor, mas também apresentou sinais de confusão e ansiedade.

Por ter sido feito com apenas 24 voluntários, divididos em quatro grupos com seis pessoas (um dos grupos recebeu um placebo –, o estudo ainda carece de mais pesquisas. É necessário que sejam feitos testes maiores para comprovar se existem ou não efeitos positivos na microdosagem de LSD.