Tradicional leilão de vinhos na França quebra novo recorde

O leilão levantou cerca de 29 milhões de euros, o que representa mais que o dobro em relação ao recorde anterior
 (fcafotodigital/Getty Images)
(fcafotodigital/Getty Images)
A
AFPPublicado em 21/11/2022 às 06:31.

O leilão vinícola de Hospices de Beaune, na região francesa de Bourgogne, o mais antigo no mundo voltado à caridade, terminou neste domingo (20) com um sucesso "excepcional", superando de longe a arrecadação recorde de 2018.

O leilão levantou cerca de 29 milhões de euros, o que representa mais que o dobro em relação ao recorde anterior, conseguido há quatro anos, quando foram arrecadados 13,97 milhões de euros.

"Excepcional", "incrível" ou "inimaginável": alguns dos 800 participantes não economizaram na hora de classificar o sucesso deste leilão, organizado na localidade de Beaune, a capital dos vinhos de Bourgogne, no centro-leste da França.

Após uma boa safra neste ano, 802 lotes foram colocados em leilão, um número próximo dos 843 de 2018, o que já dava uma ideia de que poderia ser um pregão bastante bem-sucedido.

Seu êxito também foi favorecido pelo arrefecimento da pandemia de covid-19 e pela maior presença de convidados estrangeiros.

"Depois dos anos de covid-19 e das restrições de viagem, muitos clientes vieram de longe", explicou Amayès Aouli, diretor na Europa da Sotheby's Wine, que organizou o leilão.

Quer receber os fatos mais relevantes do Brasil e do mundo direto no seu e-mail toda manhã? Clique aqui e cadastre-se na newsletter gratuita EXAME Desperta.