Casual

Conheça a rede de hotéis de luxo de Francis Ford Coppola

Para além de filmes como O Poderoso Chefão e Apocalipse Now, Francis Ford Coppola dirige outros cenários

Turtle Inn, em Belize. (Divulgação/Divulgação)

Turtle Inn, em Belize. (Divulgação/Divulgação)

Júlia Storch
Júlia Storch

Repórter de Casual

Publicado em 16 de junho de 2024 às 08h47.

Última atualização em 16 de junho de 2024 às 08h51.

Tudo sobreTurismo
Saiba mais

Para além de filmes como O Poderoso Chefão e Apocalipse Now, Francis Ford Coppola dirige outros cenários, a The Family Coppola Hideaways, uma coleção de hotéis distribuídos em alguns dos destinos favoritos da família Coppola pelo mundo: Guatemala e Belize, na América Central, e Argentina.

O Blancaneaux Lodge, em plena selva da Reserva Florestal Mountain Pine Ridge, em Belize, foi o primeiro hotel da coleção, comprado em 1981 por Coppola e que, durante mais de uma década, foi o refúgio de férias da família todos os anos.

Em seguida, Francis e sua mulher, Eleanor Coppola, adquiriram Turtle Inn, na paradisíaca e charmosa praia de Placencia, ao sul do país. Logo em frente, também em Placencia, Coppola Hideaways possui uma ilha privativa, a Coral Caye, cercada pelo mar turquesa do Caribe - Belize possui uma das águas mais lindas do mundo.

Já na Guatemala, país vizinho a Belize, o La Lancha é um hotel boutique de apenas 10 quartos, que fica a 45 minutos de carro das ruínas maias de Tikal e da Reserva de Biosfera Maya, um dos pontos principais de visitação da região. O hotel está imerso na mata tropical e tem uma vista inesquecível para o Lago Petén Itzá.

Por aqui também trabalhamos com o Jardin Escondido, um hotel estilo Airbnb no coração de Palermo Soho, em Buenos Aires. Foi a casa onde Coppola se hospedou durante as filmagens de seu filme "Tetro", em 2009. Ele se encantou com o lugar e o transformou em um refúgio verde e de descanso para quem visita a cidade.

Todas as propriedades são administradas pela família Coppola e a experiência nos hotéis é muito importante para eles, que se preocupam com cada detalhe.

O diretor conta que "é uma arte estar ali" e que "os hotéis são o oposto de O Poderoso Chefão: não é um negócio, é pessoal", em referência à frase de Michael Corleone, interpretado por Al Pacino: "It’s not personal, Sonny. It’s strictly business" (Não é nada pessoal, Sonny. São só negócios).

Blancaneaux Lodge, Belize

No início da década de 1980, Francis Ford Coppola visitou Belize e imediatamente se apaixonou por uma região ainda pouco explorada, repleta de cachoeiras e uma natureza exuberante. Comprou uma propriedade abandonada, a Blancaneaux Lodge, onde por mais de uma década foi o refúgio de férias da família. Em 1993, ele decidiu abrir seu paraíso tropical ao público: hoje, são 20 cabanas e vilas privativas com teto de palha, erguidas em palafitas e com uma decoração rica em arte guatemalteca, que recebem hóspedes em busca de um paraíso na América Central. Ali, os visitantes podem aproveitar piscinas de água natural, 4 restaurantes farm to table, caminhadas e biking pela Reserva Florestal Mountain Pine Ridge ou passeios à cavalo, uma das paixões de Coppola. Com uma beleza cinematográfica, este é um dos destinos mais privativos do mundo.

Turtle Inn, Belize

Francis e Eleanor Coppola adquiriram este hotel à beira-mar em 2001 e criaram um refúgio idílico para quem busca uma viagem relaxante ou cheia de aventura em Belize. Com 27 quartos, todos com vista para o oceano e decorados com móveis balineses artesanais, os hóspedes são convidados a aproveitar as várias experiências que o local proporciona, como o spa com massagens tailandesas, snorkel e mergulho - Belize possui a segunda maior barreira de corais do mundo, Patrimônio Mundial da UNESCO -, passeios de stand-up paddle, observação de pássaros e tantos outros. A poucos passos do seu deck privativo, a praia de areia branca se dissolve nas águas cristalinas do Caribe e leva os visitantes a uma curta viagem de bicicleta ou a pé para a encantadora vila de pescadores de Placencia, à beira-mar, onde podem ser apreciadas lojas de artesanato locais e restaurantes.

Coral Caye, Belize

Uma ilha privativa a apenas 25 minutos de barco de Turtle Inn, Coral Caye está cercada pela Barreira de Corais de Belize e pode ser o destino ideal para uma escapada romântica ou para quem é um apaixonado por aventuras no mar. A ilha possui uma pequena praia de areia de coral e manguezais, um santuário ecologicamente preservado após servir durante anos como ponto de pesca comercial. Com duas cabanas rústicas e uma vila principal com decoração praiana e todas as comodidades para umas férias aconchegantes, o único som possível vem das árvores e das águas, além do pequeno staff, que está ali para preparar refeições ao ar livre e pé na areia - como o churrasco estilo crioulo - massagens, passeios guiados ou aulas de culinária. A ilha pode acomodar de 2 a 10 convidados, e as crianças são muito bem-vindas.

La Lancha, Guatemala

Situado na floresta tropical, bem acima das margens do Lago Petén Itzá, está La Lancha, um hotel pitoresco de 10 quartos decorados com móveis, tecidos e esculturas da Guatemala, tudo selecionado pessoalmente por Eleanor Coppola, que foi considerada uma das maiores colecionadores de arte têxtil do mundo (Eleanor morreu neste ano, em abril, aos 87 anos). Perto dali está Tikal, o epicentro da espiritualidade maia: suas ruínas incluem mais de 3.000 estruturas de antigos templos e praças. Entre as experiências de slow travel que os visitantes podem desfrutar estão os mergulhos em Itzá, o maior lago da Guatemala, canoagem e, claro, as visitas a Tikal - os hóspedes podem agendar um passeio de helicóptero com direito à um desembarque na cidade perdida de El Mirador para um tour exclusivo.

Jardin Escondido

Localizado em Palermo Soho, um dos bairros mais vibrantes de Buenos Aires, Jardin Escondido guarda segredos de um tempo em que Francis Ford Coppola viveu na cidade e se apaixonou. Foi a casa que ele morou durante dois anos, para as filmagens do filme "Tetro", e para onde ele sempre volta quando precisa de silêncio para escrever ou quando está com saudade de apreciar os vinhos argentinos. Os quartos fazem uma homenagem ao período de produção do filme ou a escritores latino-americanos, como o argentino Julio Cortazar e o chileno Roberto Bolaño. A casa tem três níveis, terraço cercado por plantas de todos os tipos, e videoteca e biblioteca com filmes e livros escolhidos pelo próprio Coppola. A piscina aquecida é um plus no espaço, para um mergulho após circular pela cena cultural e gastronômica da região.

Acompanhe tudo sobre:HotéisHotelariaTurismo

Mais de Casual

Hering Kids e National Geographic lançam coleção inspirada na fauna brasileira

Ícone atemporal, Melissa desembarca em Paris com experiência sensorial

Os 16 melhores vinhos brasileiros avaliados em concurso internacional

Com patrocínio da LVMH, a Olimpíada de Paris vira vitrine para o grupo

Mais na Exame