Cantor Belo é preso por show irregular durante o carnaval no Rio

Polícia Civil ainda investiga invasão do colégio, que não tinha autorização para o evento

O cantor Belo foi preso nesta quarta-feira (17) após ter realizado um show no Parque União, no Complexo da Maré, Zona Norte do Rio, no último sábado, dia 13, contrariando as proibições impostas devido à pandemia de covid-19, de acordo com o portal G1.

A Polícia Civil investiga, ainda, a invasão ao colégio, já que o local não tinha autorização para a reliazação do show, ocorrido no sábado de carnaval.

A Delegacia de Combate às Drogas (DCOD) cumpriu quatro mandados de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão. Uma das buscas foi na sede da empresa que organizou o evento, a produtora Série Gold.

Os mandados foram expedidos para Marcelo Pires Vieira, o Belo, Célio Caetano, sócio da produtora, Henriques Marques, o Rick, sócio da produtora, e Jorge Luiz Moura Barbosa, o Alvarenga, chefe do tráfico no Parque União.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.