Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Planejador financeiro já virou profissão estabelecida

Cresce o número de pessoas que buscam certificação para se tornar planejadores financeiros

São Paulo - Contratar um especialista para ajudar na organização das finanças pessoais é um serviço que está se tornando mais acessível ao brasileiro. Nos Estados Unidos, é comum profissionais em meio de carreira ou famílias inteiras contratarem uma assessoria financeira.

O consultor atua em momentos específicos, como quando o filho do casal nasce e a família precisa planejar a poupança para ele ou ela cursar a faculdade, que nos Estados Unidos é paga. Em outros casos, o assessor financeiro age como um conselheiro de investimentos sempre que o contratante quer refazer seu portfólio. 

Nos últimos anos, a renda do brasileiro cresceu e, consequentemente, o consumo e os investimentos também. Apesar de a maior parte das aplicações financeiras estar concentrada na poupança, há mais gente investindo em ações e planos de previdência. E há muitas pessoas endividadas.

Diante desse cenário, aumentou o número de profissionais que buscam certificação como planejador financeiro. De acordo com o Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros (IBCPF), de dezembro de 2010 a setembro de 2011 houve um aumento de 50% no total de planejadores financeiros, chegando a 714 especialistas. 

O planejador é um multiespecialista que ajuda tanto na renegociação das dívidas quanto no planejamento da aposentadoria. Embora não existam estudos que mostrem que é possível fazer seu dinheiro render ao contratar um deles, com certeza você aprenderá a usar melhor sua grana.

O preço dessa orientação pode variar, mas o custo médio fica em 125 reais por hora. A certificação dos planejadores financeiros não é obrigatória, mas é recomendável.

Antes de receber o certificado, o profissional passa por um teste prático, que custa 800 reais, que trata de temas como previdência complementar, investimentos, seguros, planejamento sucessório e tributário, e ética profissional. Além disso, ele deve ter trabalhado em instituições financeiras. A certificação é renovada a cada dois anos. 

Com diploma na mão 

A carioca Letícia Camargo, de 38 anos, trabalha desde 1999 no mercado financeiro. Após acertar 87% do último exame aplicado pelo IBCPF, ela garantiu a certificação como planejadora financeira pessoal. Letícia trabalhou três anos na Ativa Corretora de Valores, no Rio de Janeiro, e agora está decidindo se irá montar sua própria consultoria ou trabalhar em um escritório que administra fortunas familiares.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também