Vacinação é luz no fim do túnel, mas o túnel é comprido

Coluna de Alon Feuerwerker analisa a corrida pela imunização contra a covid-19 no Brasil e no mundo

É humano o animar com o início da aplicação, mundo afora, das vacinas contra a covid-19. É uma luz no fim do túnel. O problema? O túnel é bem comprido. Normalidade? Talvez em 2022. Pois será necessário que mais da metade da humanidade esteja vacinada. E isso vai demorar.

Países menores e mais organizados, como Israel, levam vantagem. Mesmo que Israel esteja mergulhado numa crise política crônica. Por razões historicamente óbvias, persistem ali uma capacidade operacional do Estado e uma certa coesão social. Mesmo quando os políticos brigam.

Por aqui, segue a contenda. Quem vai levar? Um troféu irá para o que primeiro começar a vacinar, mas a maior taça está reservada para as mãos de quem bem resolver a coisa no macro: com vacinas, seringas, postos de vacinação e profissionais treinados, tudo Brasil afora.

E tem também agora o debate em torno das clínicas privadas de vacinação. Que querem importar vacina da Índia. Diz o Ministério da Saúde que precisarão respeitar a ordem de grupos prioritários estabelecida para a população em geral. Tem lógica.

*Analista político da FSB Comunicação

Siga Bússola nas redes:  InstagramLinkedin  | Twitter  |   Facebook   |  Youtube 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.