Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Dicas do Editor: LGBTQIA+ é assunto corporativo, sim, e para o ano todo

Diretora de Redação da Bússola traz um resumo do melhor conteúdo do portal para você aproveitar bem seu fim de semana

Semana passada vivi meus 15 minutos de fama por conta do texto que tratava do preconceito envolvendo a bela campanha do Burger King. E vou voltar ao assunto, não para surfar a onda, mas porque o assunto realmente importa.

Como disse a publicitária e criadora de conteúdo Beta Boechat, em entrevista a Rizzo Miranda esta semana, LGBTQIA+ não é o pink money da pandemia. Não é um tema para a gente se lembrar em 28 de junho, o Dia Internacional do Orgulho, e esquecer depois. E, por isso mesmo, quero adiantar que a Beta, uma das pioneiras do ativismo corporal, estreia coluna na Bússola na semana que vem para falar de diversidade.

Mas agora vamos ao mundo corporativo. A colunista Andrea Fernandes cedeu a Felipe Piris o espaço de sua coluna sobre e-commerce para que ele falasse sobre a necessidade de trazer o orgulho à tona, sobre o direito ao afeto. Na semana anterior, Fabiane Pellegrino ocupou o mesmo espaço para tratar de preconceito.

E Renato Cirne traz uma visão importante sobre como o compliance deve dar voz àqueles que não conseguem se expressar. E na vida pública, a vida privada não interessa a ninguém, informa Márcio de Freitas.

No interminável universo da pandemia, Marcelo Tokarski mostra que a vacinação reduz, sim, os casos de mortes nos locais onde a vacinação está avançada, o que, infelizmente, não é o caso do Brasil.

Para quem curte games, e pode continuar recluso, a Bússola reuniu sete jogos que levam você a locais turísticos sem sair de casa. E, no universo dos negócios, a Renner desenvolveu um mapa de loja virtual dentro do Fortnite, informa Cauê Medeiros.

E na coluna Geekonomy, Cauê voltou ao assunto mais cringe do mês, o próprio cringe, para mostrar como rotular gerações inteiras é totalmente estúpido. Deixei para o final para evitar o caça-cliques em torno do tema que ninguém aguenta mais, como diz o próprio colunista.

Não podia terminar sem falar de uma das notícias que me deixou mais feliz esta semana: a reabertura no dia 31 do Museu da Língua Portuguesa, uma joia paulistana que havia sido destruída por um incêndio em 2015.

Se você saiu ou pretende sair às ruas hoje, use máscara e pratique distanciamento sempre. Se sua opção for ficar em casa, aproveite a leitura.

*Ana Busch é jornalista, sócia da Tamb Conteúdo Estratégico e diretora de Redação da Bússola

 Este é um conteúdo da Bússola, parceria entre a FSB Comunicação e a Exame. O texto não reflete necessariamente a opinião da Exame.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedinTwitter | Facebook | Youtube

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também