PSB diz que não vai criar caso para votar MP dos Portos

Beto Albuquerque ressaltou, no entanto, que colocá-la em votação "não significa dizer amém ao que pensa a Fiesp e o que pensa o governo"

Brasília - O líder do PSB na Câmara, Beto Albuquerque (RS), disse nesta segunda-feira que seu partido "não vai criar caso" para votar a Medida Provisória 595, a MP dos Portos, no plenário. Ele ressaltou, no entanto, que colocá-la em votação "não significa dizer amém ao que pensa a Fiesp e o que pensa o governo".

Para ele, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e seu presidente, Paulo Skaf, estão defendendo os interesses econômicos que sempre defenderam.

"Não achamos que só é bom o que o governo pensa e a Fiesp concorda. Prejudicar os trabalhadores nunca foi bom para o Brasil", afirmou o deputado ao chegar para reunião de líderes da base do governo na Casa com a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, e o líder do governo na Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP).

Em sua avaliação, a medida em discussão não pode prejudicar os trabalhadores e deveria ter sido debatida com os governadores. "Essa MP chegou sem diálogo nenhum. Agora, na reta final, todo mundo está querendo dialogar", comentou.

Albuquerque disse que, se o governo garantir que não vetará nenhum ponto do relatório do senador Eduardo Braga (PMDB-AM), seu partido apoiará a aprovação da MP.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também