A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Executivo da Mendes Júnior deve se entregar

As ações fazem parte da sétima fase da Operação Lava Jato

Brasília - A Polícia Federal deve prender ainda nesta sexta-feira, 14, o vice-presidente da construtora Mendes Júnior, Sérgio Cunha Mendes.

A prisão do executivo já está acertada desde a manhã de hoje e, segundo fontes da investigação, ele está viajando para Curitiba (PR) onde deve se entregar à PF.

Pela manhã, policiais fizeram buscas na sede da Mendes Júnior, em São Paulo, e também vasculharam endereços da Odebrecht e de seus executivos.

As ações fazem parte da sétima fase da Operação Lava Jato, deflagrada hoje. Executivos das duas empresas são suspeitos de pagar propina a dirigentes da Petrobras em troca de contratos superfaturados em obras da estatal.

Parte dos recursos do esquema era direcionada a partidos da base aliada do governo, entre eles o PT e o PMDB, segundo o inquérito.

Atualizado às 20h00 do mesmo dia pois o texto anterior continha uma incorreção. O vice-presidente da construtora Mendes Júnior, Sérgio Cunha Mendes, não foi preso pela manhã, apesar do mandado de prisão já expedido. Ele deve se entregar ainda hoje.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também