MDIC: superávit comercial é de US$ 548 mi na semana

No acumulado do mês até a segunda semana, a balança comercial brasileira teve superávit de US$ 980 milhões

Brasília - A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 548 milhões na segunda semana de fevereiro, de acordo com dados divulgados hoje pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC). Entre os dias 7 e 13 deste mês, as exportações somaram US$ 4,226 bilhões, com média diária de US$ 845,2 milhões. Já as importações chegaram a US$ 3,678 bilhões, com média de US$ 735,6 milhões.

No acumulado do mês até a segunda semana, a balança comercial brasileira teve superávit de US$ 980 milhões. Nos nove primeiros dias úteis de fevereiro, as exportações totalizaram US$ 7,757 bilhões e as importações, US$ 6,777 bilhões. Em relação à média diária de embarques de fevereiro do ano passado, houve crescimento de 27,2%. Na comparação com janeiro, houve aumento de 19% na média. Nas importações, o valor foi 14,8% superior à média registrada no segundo mês de 2010 e 6,9% maior que o apurado no mês passado.

Acumulado do ano

A balança comercial brasileira acumula um superávit de US$ 1,404 bilhão em 2011, até a segunda semana de fevereiro, de acordo com o MDIC. No mesmo período do ano passado, a balança registrou saldo positivo de US$ 340 milhões. A corrente de comércio (soma das exportações e das importações) chegou a US$ 44,540 bilhões, superando em 25,6% o total de US$ 35,448 bilhões apurado em igual período de 2010.

Até a segunda semana de fevereiro, as exportações totalizaram US$ 22,972 bilhões, com média diária de US$ 765,7 milhões, equivalentes a um crescimento de 28,4% ante a média de US$ 596,5 milhões registrada no mesmo período de 2010. Em 2011, as importações já chegam a US$ 21,568 bilhões, com média diária de US$ 718,9 milhões. O valor é 22,9% superior à média de US$ 585,1 milhões registrada em igual período do ano passado.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.