Marco Aurélio é contra redução da maioridade penal

De acordo com o ministro, não adianta colocar um jovem que teve um desvio de conduta na cadeia, pois ele "sai pior" do que entrou

São Paulo - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello afirmou nesta segunda-feira ser contrário à redução da maioridade penal.

De acordo com o ministro, não adianta colocar um jovem que teve um desvio de conduta na cadeia, pois ele "sai pior" do que entrou. "Temos que buscar as causas da delinquência e combater essa causa", disse, durante entrevista ao Programa do Jô, da TV Globo.

Segundo o ministro, falta oportunidade aos jovens brasileiros. "Precisamos implementar com seriedade a educação, dando oportunidade", afirmou. O programa com a entrevista do ministro vai ao ar na madrugada desta terça-feira.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.