Mais um grande tumulto interrompe ato na Cinelândia

Ao tentar conter vândalos, a PM atacou com bombas de gás e tiros de balas de borracha a multidão que participava do protesto

Rio - Mais um grande tumulto interrompeu ato contra o governo federal que era promovido na Cinelândia (região central do Rio) às 18h55 desta sexta-feira (28).

Ao tentar conter vândalos que destruíam telefones públicos e incendiavam lixo, a Polícia Militar atacou com bombas de gás e tiros de balas de borracha a multidão que participava do protesto.

Houve pânico e correria. Jovens mascarados responderam lançando pedras e paus. Às 19h10 os confrontos continuavam.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.