A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Fátima Bezerra, do PT, é a única mulher a se eleger governadora no país

Na liderança desde o primeiro turno, a atual senadora pelo RN obteve neste domingo (28) 57,6% dos votos válidos

São Paulo — A governadora eleita do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, do PT, terminou a corrida eleitoral como a única mulher a se eleger para o cargo no país.

Na liderança desde o primeiro turno, a atual senadora pelo RN obteve neste domingo (28) 57,6% dos votos válidos. Seu adversário, o ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo (PDT) obteve 42,4%.

No estado, 1,9 milhão de pessoas votaram pra governador, número que corresponde a 81,86% do eleitorado. A abstenção foi de 18,1%. Os votos brancos somaram 1,75% e os nulos, 6,81%.

Fátima, que estava com mandato no Senado até 2023, foi eleita duas vezes deputada estadual e três vezes deputada federal. Natural da Paraíba, é pedagoga, formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Construiu sua carreira nas redes públicas de educação de Natal e do Rio Grande do Norte. Atua na área de direitos humanos, meio ambiente e na defesa dos direitos dos trabalhadores e das mulheres.

Com a vitória, o PT conquistou governo de quatro estados, todos no Nordeste: Bahia, Piauí, Ceará e Rio Grande do Norte.

Vitória histórica

Assim que sua vitória foi anunciada, Fátima disse em entrevista coletiva que sua gestão "vai marcar a história política do Rio Grande do Norte".

Para ela, a conquista "interrompe um ciclo de governos, de oligarquias que estão aí há décadas no comando do Governo do Rio Grande do Norte".

Na coletiva, a única governadora eleita no País estava acompanhada de lideranças políticas do PT, PSOL, PC do B, PHS, PSDB e PSB.

"O povo do Rio Grande do Norte resolveu fazer uma mudança, comprometido em eleger uma professora de origem humilde e que graças a Deus tem uma trajetória política de mais de 30 anos de vida pública pautada pela seriedade e honradez. O Rio Grande do Norte elegeu a primeira governadora de origem popular. O grande protagonista disso foi o povo do Rio Grande do Norte", declarou Fátima Bezerra no primeiro discurso.

Durante o discurso, a governadora destacou que estava emocionada com o resultado das eleições e com os apoios que recebeu ao longo da campanha.

Ela relembrou o aumento das intenções de voto ao longo do segundo turno, conforme apontaram as pesquisas e que o resultado reflete o sentimento de "esperança e luta" do povo potiguar.

Além disso, também lamentou a derrota do candidato à Presidência pelo PT, Fernando Haddad, mas destacou que tem que "defender a escolha e os anseios do povo do Rio Grande do Norte" e que irá "fazer isso com coragem".

Com a vitória, a vaga de Fátima Bezerra no Senado Federal será assumida pelo especialista em energias renováveis, Jean Paul Prates, primeiro suplente da chapa.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também