Empresas da Petrobras teriam recebido R$ 11 mi em propina

De acordo com informações do jornal O Globo, pelo menos três projetos conduzidos por empresas criadas pela Petrobras tiveram desvios de recursos

São Paulo – Em nova frente de investigações da Operação Lava Jato, o Ministério Público Federal estaria apurando se projetos envolvendo a estatal e três sociedades de propósito específico (SPE) foram usados para o repasse de propinas, de acordo com informações do jornal O Globo

Segundo a publicação, executivos ligados à Toyo Setal teriam afirmado em depoimento que pagaram 11 milhões de reais em troca de contratos com a Petrobras.

No depoimento, Júlio Gerin Camargo e Augusto Ribeiro de Mendonça Neto teriam listado o desvio de recursos por meio de SPEs em três projetos: na ampliação da Refinaria Henrique Lage (Revap), em São José dos Campos (SP); no aumento da capacidade de escoamento de gás da Bacia de Campos e na construção do gasoduto Urucu-Manaus.

De acordo com os executivos, a propina teria sido paga a Renato Duque, ex-diretor de Serviços da estatal, e ao ex-gerente de engenharia Pedro Barusco. Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento, também teria sido beneficiado pelo esquema. 

O modelo de projetos por meio de SPEs dispensa o uso de licitações. Das três obras listadas pelos executivos da Toyo Setal, apenas a ampliação do gasoduto passou por processo licitatório.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.