A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Em SP, 311 mil alunos serão transferidos na rede estadual

Governo justifica mudança para escolas de segmento único por terem rendimento até 22% superior

São Paulo -- Em coletiva na manhã de hoje, o secretário de educação do Estado de São Paulo, Herman Voorwald, anunciou a criação de 754 escolas de ciclo único na rede estadual. A partir de 2016, 43% das escolas do estado funcionarão nesse sistema, isto é, 2.197 das 5.147 da rede.

O sistema de segmento único prevê agora que essas escolas passarão a ter alunos de apenas uma das três etapas do ensino, divididas entre Ensino Fundamental 1, Fundamental 2 ou Médio. Dos 3,8 milhões de alunos da rede, a mudança fará com que 311 mil alunos sejam transferidos de suas atuais escolas.

A troca de escola gerou insatisfação de pais e gestores educacionais, que promoveram protestos nas últimas semanas. O governo justifica a mudança através de estudo feito pelo Idesp, em 2014, que mostra que escolas nesse sistema têm rendimento até 22% superior às demais.

“A quem interessa essa manifestação contrária? Meu objetivo é dar o melhor ensino às crianças do Estado”, diz Voorwald. “Dentro de alguns anos, verão que foi um grande movimento feito pela Secretaria do Estado.”

Além da tentativa de melhorar o ensino, o governo tenta compactar alunos em salas que hoje estão ociosas. Pelos números do governo, em todo o Estado há 2.197 salas sem alunos por conta de um declínio na demanda desde 1998, inclusive pela saída de alunos para a rede particular.

O secretário garantiu ainda que a distância máxima obrigatória de 1,5 quilômetro entre aluno e escola será respeitada. “Certas coisas não podemos abrir mão”, disse.

Não se falou concretamente sobre fechamento de escolas. Segundo o secretário, 94 escolas serão "disponibilizadas". Dessas, 66 serão repassadas aos municípios, com a possibilidade de se tornarem creches, e outras 28 ainda têm "destino incerto".

Os pais começarão a ser notificados ainda esta semana sobre as mudanças e possíveis transferências de seus filhos através da própria escola.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também