Dilma defende esforço conjunto em situação de emergência

Presidente disse que houve um "absoluto desleixo" em deixar a população mais pobre morar próxima às áreas de risco

Brasília – A presidente, Dilma Rousseff, afirmou há pouco que o trabalho de prevenção para evitar catástrofes como a que aconteceu ontem (12) na região serrana do Rio de Janeiro deve ser realizado em conjunto entre os governos federal, estadual e municipal.

Dilma negou que na gestão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva tenha ocorrido falhas no repasse de recursos para obras preventivas no Rio de Janeiro. “Houve no Brasil um absoluto desleixo em relação à população de baixa renda, que foi morar na beira de córrego, do rio e em encosta dos morros”, afirmou a presidente em entrevista coletiva concedida ao lado do governador do Rio, Sérgio Cabral, após sobrevoar as regiões atingidas pelas chuvas no Rio.

“Essa é uma questão que jamais achamos [no governo Lula] e, no meu governo, continuarei não achando que o problema é do estado e do município. É um problema do governo federal de fazer uma política de saneamento e habitação. É um problema do governo estadual fazer a mesma política e somar esforços e não é um problema do município de ordenar devidamente a ocupação do solo urbano. O que está certo é que a gente diminua o efeito dessas chuvas. Essa é a nossa missão”, disse .

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.