Brasil proíbe voos do Reino Unido a partir desta sexta-feira

Medida publicada no Diário Oficial segue ações tomadas por outros países, com mutação da covid-19 identificada no local

Mesmo com certo atraso em relação a outros países, o Brasil declarou hoje a suspensão de voos do Reino Unido. A decisão está baseada, principalmente, na mutação da covid-19 encontrada localmente, que se espalha mais facilmente, segundo autoridades britânicas. Desde domingo, dia 20, uma série de países decidiu barrar passageiros que embarcariam em aeroportos do Reino Unido por esse motivo. De acordo com informações divulgadas, a medida passa a valer a partir dessa sexta-feira (25).

O mundo está mais complexo, mas dá para começar com o básico. Veja como, no Manual do Investidor

A decisão na íntegra, publicada em edição extra do Diário Oficial da União, afirma: “Fica suspensa, em caráter temporário, a autorização de embarque para a República Federativa do Brasil de viajante estrangeiro, procedente ou com passagem pelo Reino Unido e Irlanda do Norte nos últimos quatorze dias”.  Ainda segundo o documento, passageiros que já estiverem no Brasil e que tenham passado por esses dois países devem permanecer em quarentena por catorze dias.

Novas medidas também entram em vigor a partir do dia 30 de dezembro: passageiros de voos internacionais devem apresentar à companhia aérea, antes do embarque, o resultado de teste PCR negativo realizado em laboratório, realizado 72 horas antes do embarque.

Crianças com mais de dois anos e menos de doze que viajem acompanhadas estão isentas de apresentar o documento, desde que seus acompanhantes o façam. Em caso de voos com escalas, o prazo de 72 horas é considerado em relação ao embarque no primeiro trecho da viagem.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também