Brasil

Boulos lidera entre jovens e idosos e Nunes vai melhor entre adultos, aponta Gerp

Boulos lidera com folga entre os jovens de 16 a 17 anos com 32%, e entre os idosos de 60 anos ou mais, com 27%

André Martins
André Martins

Repórter de Brasil e Economia

Publicado em 19 de junho de 2024 às 10h01.

Última atualização em 19 de junho de 2024 às 11h29.

Tudo sobreEleições 2024
Saiba mais

O deputado federal e pré-candidato à prefeitura da cidade de São Paulo, Guilherme Boulos (PSOL), lidera as intenções de votos entre os mais jovens e os idosos, enquanto o atual prefeito, Ricardo Nunes (MDB), vai melhor entre os adultos, de acordo com a pesquisa do instituto Gerp, divulgada em primeira mão pela EXAME.

Os dados mostram que Nunes vai pior entre os mais novos. Na faixa entre 18 e 24 anos, por exemplo, o atual prefeito tem apenas 10% e entre as pessoas entre 16 e 17 anos, Nunes aparece zerado.

Boulos lidera com folga entre os jovens de 16 a 17 anos, com 32% das intenções de voto, e entre os idosos de 60 anos ou mais, com 27%.

LEIA MAIS:

Os problemas mais graves para os paulistanos? Segurança e serviços de saúde precários, aponta Gerp

Governo Tarcísio é aprovado de 58% e reprovado por 31% na cidade de SP, aponta pesquisa Gerp

Governo Lula é aprovado por 43% e reprovado por 47% na cidade de SP, aponta pesquisa Gerp

Pesquisa para prefeito de SP: Nunes tem 21%; Boulos, 20%; Marçal, 9%; Datena, 9%; Tabata, 9%; e Kim, 6%

O influenciador Pablo Marçal (PRTB), a deputada federal Tabata Amaral (PSB) e o deputado federal Kim Kataguiri (União) têm os melhores resultados entre os jovens, principalmente nas faixas entre 18 e 34 anos.

Entre as pessoas acima de 35 anos, porém, Marçal tem o seu pior desempenho, quando marca apenas 4% da preferência das intenções de voto. A maioria dos jovens entre 16 e 17 anos, cerca de 48%, apontam que não votarão em nenhum das opções.

A pesquisa Gerp foi registrada no TSE como SP-02254/2024 e ouviu 1.000 pessoas em 407 bairros da cidade entre os dias 13 e 17 de junho, usando a abordagem CATI (entrevista telefônica assistida por computador). A margem de erro é de 3,16 pontos percentuais para um nível de confiança de 95,55%.

Eleições 2024: polarização ou discutir a cidade?

yt thumbnail
Acompanhe tudo sobre:Eleições 2024sao-paulo

Mais de Brasil

Boulos quer câmeras corporais em agentes da Guarda Civil Metropolitana de São Paulo

Conselho proíbe internação de crianças e adolescentes em comunidades terapêuticas

Casas de apostas terão que comunicar operações suspeitas ao Coaf e classificar risco de apostadores

Lula assina decreto reajustando Bolsa Atleta em 10,86%

Mais na Exame