Brasil

Bolsonaro determina que novo ministro crie conta no Twitter

Jorge de Oliveira Francisco disse que orientação de Bolsonaro é para que ele crie a conta para se "comunicar diretamente com a sociedade

Novo ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Jair Bolsonaro, e presidente Jair Bolsonaro (Marcos Corrêa/PR/Reprodução)

Novo ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Jair Bolsonaro, e presidente Jair Bolsonaro (Marcos Corrêa/PR/Reprodução)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 4 de julho de 2019 às 14h39.

Última atualização em 4 de julho de 2019 às 14h40.

Novo ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Jorge de Oliveira Francisco já cumpriu a determinação do presidente Jair Bolsonaro: Jorge acaba de criar sua conta no Twitter. Em sua primeira publicação, o ministro, que é major da Polícia Militar do Distrito Federal, disse estar seguindo diretrizes determinadas por Bolsonaro ao criar a conta para se "comunicar diretamente com a sociedade".

"Seguindo as diretrizes determinadas pelo presidente Jair Bolsonaro, estou criando este canal para me comunicar diretamente com a sociedade e levar informações relevantes acerca de nosso trabalho na Secretaria-Geral da Presidência da República. Boa tarde a todos!", escreveu o ministro, que substitui Floriano Peixoto, destacado por Bolsonaro para assumir a presidência dos Correios.

O tuíte do novo ministro foi compartilhado pelo presidente, que anunciou sua nomeação também pela rede social, em 21 de junho.

Além da conta do ministro no Twitter, a própria pasta que ele dirige, a Secretaria-Geral da Presidência da República, também criou uma conta nessa rede social.

Acompanhe tudo sobre:BrasilJair BolsonaroTwitter

Mais de Brasil

Guarulhos e Galeão têm atrasos causados por efeitos do apagão cibernético global

BNDES anuncia financiamento de R$ 4,5 bi de 32 jatos da Embraer à American Airlines

STF diz que foi afetado por apagão global, mas que principais serviços já foram restabelecidos

Mais na Exame