Aviões da Esquadrilha da Fumaça quebram vidraças do STF

Dois caças modelo Mirage 2000 sobrevoavam a Praça dos Três Poderes, quando uma onda de choque causou danos às vidraças

Brasília, 1 jul (EFE).- Aviões da Esquadrilha da Fumaça que realizavam voo rasante durante a cerimônia de substituição da bandeira, neste domingo, em Brasília, destruíram algumas vidraças de prédios públicos, entre os quais, o do Supremo Tribunal Federal (STF), de acordo com a Força Aérea Brasileira.

De acordo com o órgão militar, dois caças modelo Mirage 2000 sobrevoavam a Praça dos Três Poderes, quando 'uma onda de choque causou danos às vidraças de alguns órgãos públicos', de acordo com nota.

'O Comando da Aeronáutica já iniciou a apuração das circunstâncias do fato e irá ressarcir os prejuízos decorrentes', completa o comunicado da Força Aérea Brasileira.

A cerimônia de substituição da bandeira acontece uma vez por mês em Brasília. As aeronaves da Esquadrilha fizeram algumas acrobacias, para o público que acompanhavam a cerimônia. 'Um jato passou muito baixo, levantou poeira, tremeu o chão e o vidro quebrou, Não estava esperando', disse o estudante Lucas da Silva, ao portal de notícias G1.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.