Avaliação de Bolsonaro em SP é a terceira pior do país entre as capitais

Pesquisa Ibope divulgada neste sábado, 17, mostra que Salvador é a capital que pior avalia o presidente, enquanto Boa Vista tem a melhor avaliação

A gestão do presidente Jair Bolsonaro tem uma das piores avaliações do país na cidade de São Paulo, segundo pesquisa Ibope divulgada neste sábado, 17. O levantamento foi feito em 25 capitais. São Luís, no Maranhão, ainda não participou desta primeira rodada de pesquisa.

Na capital paulista, 48% consideram a gestão do presidente ruim/péssima, 27% avaliam como ótima/boa, e 24%, regular. A capital que pior avalia Bolsonaro é Salvador, na Bahia. Para 62% dos soteropolitanos, o governo do presidente é ruim/péssimo. Somente 18% consideram ótimo/bom, e 17%, regular.

Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, aparece com a segunda pior avaliação, com 50% dos entrevistados respondendo que o governo é ruim/péssimo, 26% avaliam como ótimo/bom, e 23%, regular.

Na outra ponta, com as que melhor avaliam a gestão, aparecem Boa Vista, Manaus e Porto Velho. Na capital de Roraima, o governo é considerado ótimo/bom para 66%, 15% ruim/péssimo, e 18%, regular.

Para 54% dos manauaras, o governo é bom/ótimo, 26%, péssimo/péssimo, e 19%, regular. Na capital de Rondônia, 50% dos moradores avaliam como ótimo/bom, 29% como ruim/péssimo, e 21%, regular.

EXAME/IDEIA: Avaliação nacional

No começo de outubro, pesquisa exclusiva EXAME/IDEIA perguntou como os brasileiros avaliavam o governo de Bolsonaro. Após uma queda em setembro, a aprovação do presidente voltou a subir e chegou a 39%. A desaprovação se manteve estável desde a última pesquisa, em 42%.

O EXAME/IDEIA é projeto que une Exame Research, braço de análise de investimentos da EXAME, e o IDEIA, instituto de pesquisa especializado em opinião pública. A cada quinze dias, EXAME/IDEIA traz pesquisas de opinião exclusivas com foco no cenário político.

A aprovação é maior nas regiões Norte (57%) e Centro-Oeste (53%), considerando os que aprovam totalmente e aqueles que aprovam parcialmente a atuação do presidente. Já o Nordeste é a região com mais alta desaprovação, 48%. Para os brasileiros somente com o ensino fundamental, 46% aprovam a maneira de Bolsonaro governar. Entre os que têm o ensino superior, a desaprovação total e parcial soma 44%.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.