Alckmin e Haddad anunciarão redução de tarifa, dizem jornais

O anúncio será feito no Palácio dos Bandeirantes e responde a protestos na capital, segundo O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo

	Na segunda-feira, o número de manifestantes nas ruas foi estimado em 65 mil pessoas pelo Datafolha
 (Marcelo Camargo/ABr)
Na segunda-feira, o número de manifestantes nas ruas foi estimado em 65 mil pessoas pelo Datafolha (Marcelo Camargo/ABr)
L
Luísa MeloPublicado em 19/06/2013 às 18:22.

São Paulo - O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT) e o governador do Estado, Geraldo Alckmin (PSDB), anunciarão a redução da tarifa do transporte público da capital paulista no início da noite desta quarta-feira, informaram os jornais O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo. O anúncio será feito no Palácio dos Bandeirantes.

A tarifa, que está fixada em 3,20 reais, voltaria para o valor anterior ao último reajuste, de 3,00 reais. A redução é uma reposta aos protestos que tomaram conta de São Paulo desde o início do mês. Na segunda-feira, o número de manifestantes nas ruas foi estimado em 65 mil pessoas pelo Datafolha.

Mais informações em instantes.