A história se repete como tragédia em Brumadinho, diz Marina Silva

Para a ex-ministra, é "inadmissível que o poder público e empresas não tenham aprendido nada" com o "grave crime em Mariana (MG), depois de três anos"

São Paulo — A ex-ministra do Meio Ambiente e ex-senadora Marina Silva (Rede-AC) afirmou nesta sexta-feira (25) no Twitter que é "inadmissível que o poder público e empresas mineradoras não tenham aprendido nada" com o "grave crime ambiental em Mariana (MG), depois de três anos".

Marina comentou o rompimento de uma barragem em Brumadinho (MG).

Marina afirmou também que as investigações sobre o rompimento da barragem que atingiu Mariana ainda não foram concluídas e nem os responsáveis, punidos. "A história se repete como tragédia em Brumadinho", disse.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.