WhatsApp se prepara para monetizar seu aplicativo

Comprada por 19 bilhões de dólares pelo Facebook em 2014, empresa pavimenta caminho para a monetização

São Paulo – O WhatsApp dá seus primeiros passos para ganhar dinheiro com o seu aplicativo de mensagens. Recentemente, a empresa começou a contratar executivos para posições relacionadas à monetização.

Com mais de 200 funcionários, a companhia anunciou vagas para gerente de produto, que deve liderar os esforços de monetização; gerente de marketing de produto, para vender e propagar o app para clientes; e gerente de comunicação corporativa, responsável por explicar o modelo de negócio da empresa para a imprensa.

De acordo com o Recode, as posições são voltadas para pessoas com experiência em mercados emergentes, como Brasil e Índia, onde o WhatsApp é popular.

A empresa testa um serviço que permitirá a comunicação direta entre estabelecimentos comerciais e consumidores.

No Brasil, o WhatsApp conta com uma assessoria de imprensa desde que foi repetidas vezes bloqueado pela Justiça.

O foco do WhatsApp será no mercado corporativo, o consumidor final deve continuar a usar o aplicativo gratuitamente, conforme anunciado pela própria empresa.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também